Domingo, 2 de Agosto de 2009

TUA SEMENTE

 

Feliz com tua semente menina?

Claro que estás. Eu também estou por ti, acredita. 

Dedico-te estas palavras sinceras, e peço-te para não me levares a mal, ok?

Eu amo-te nina. Muito, muito mesmo. Não passa um dia, um dia sequer que eu não sonhe contigo, com os nossos momentos.

Afastei-me sim, fui eu. Pecador me confesso, eu te perdi por minha culpa, minha tão grande culpa.

 

 

Mas certamente compreenderás a minha decisão de ficar com o meu passareco, porque cria-los, vê-los crescer, ama-los como um doido, como eu o amo e de certeza irás amar a tua semente "já amas, claro", é magnífico.

 

Perguntas-me como é possível viver junto dela sem a amar?

 

 

Pois nina, tens razão, é difícil sim. Há momentos que quase me levam á loucura, mas apoio-me no meu passareco, e sonho contigo.

Fecho os olhos, respiro fundo, sonho também com ele quando não está junto de mim, e acredita, todas, mas todas as noites quando vou á cama do meu passareco, quando ele já dorme, para lhe dar um beijo de boa noite, juro por Deus, pelo amor que tenho e sempre vou ter por ti, que me escorre uma lágrima pela face, porque lhe peço para não me desiludir, porque sei e tenho a consciência que deixei de ser feliz (ao teu lado), para cria-lo, para fazer dele um HOMEM.

 

De mim para ti com muito amor, que a tua criança seja feliz, que tu sejas muito, mas mesmo muito feliz junto de quem amas.

 

Terei sido egoísta? Terei sido um tolo, porque ele cresce e qualquer dia não quer saber de mim? Porque será independente, terá a vida dele?Certamente, pois não sei, o futuro o dirá.

 

Até um dia 

 

Até sempre

Abraço 


publicado por tueum às 16:23
link do post | comentar | ver comentários (5) | favorito
Sexta-feira, 6 de Junho de 2008

O minuto, O dia, A hora... O Tempo...

 

O minuto, o dia, a hora e o tempo,

O ANO..

O tempo,

faz-nos assim..

A Vida...

Humanos,

Amigos, Amantes, 

Amigos, distantes...

Pessoas...

O Início

A Vida...

O

Amor

A Vida

O Renascer...

Amo-te

MAS

Até

Sempre

 

....Maria...

______________________________________________

Amor que morre

O nosso amor morreu... Quem o diria!
Quem o pensara mesmo ao ver-me tonta,
Ceguinha de te ver, sem ver a conta
Do tempo que passava, que fugia!

Bem estava a sentir que ele morria...
E outro clarão, ao longe, já desponta!
Um engano que morre... e logo aponta
A luz doutra miragem fugidia...

Eu bem sei, meu Amor, que pra viver
São precisos amores, pra morrer,
E são precisos sonhos para partir.

E bem sei, meu Amor, que era preciso
Fazer do amor que parte o claro riso
De outro amor impossível que há-de vir!


                            Florbela Espanca
 

 


publicado por tueum às 17:11
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Segunda-feira, 10 de Março de 2008

Desculpa (Seria Quase Voz)

Desculpa de não ser como tu queres

De ser o lado errado entre nós

Aperta-me em teus braços de mulher

Disseste-o num soluço quase voz

Desculpa não ser mais p'ra te oferecer

No tudo que te dou e que és tão pouco

Repousa-me em teus braços de mulher

Disseste tu num tom velado e rouco

Desculpa a pequenez que me apequena

Aos teus olhos adultos penetrantes

Acolhe com piedade a alma enferma

Dissestes à flor d'uns lábios delirantes

Desculpa por te olhar aquém do pranto

Que dos meus olhos corre ao estarmos sós

DESCULPA POR AINDA TE AMAR TANTO

Disseste-o num soluço quase voz.

 

PS: Eu nina, eu. Beijo na testa, sempre c/AM.


publicado por tueum às 22:22
link do post | comentar | ver comentários (12) | favorito
Segunda-feira, 21 de Janeiro de 2008

Quinze, dezas-seis-sete

ontem,

hoje,

amanhã,

sempre

...

beijo com AM


publicado por tueum às 10:18
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Domingo, 30 de Dezembro de 2007

Bom ano

Desejo a todos um bom ano

cheio de paz, amor e alegria

e

é com estas escassas palavras

que vos deixo

apenas um abraço

felicidades

e um sorriso para todos

...

Os Meus Amigos

e a todos os outros

que por aqui passarem

um abraço

e

até sempre

Maria


publicado por tueum às 09:46
link do post | comentar | ver comentários (8) | favorito
Quinta-feira, 22 de Novembro de 2007

Amo-te e só isso é real...

Só o amor é real

 

Recordo o primeiro dia que falei contigo

E sorrio

O primeiro encontro

E sorrio

Do que falámos

e sorrio;

o primeiro beijo

novo sorriso…

 

A primeira vez que num gemido

Mal dissimulado foi libertado

O vocábulo já há muito sentido

Amo-te

E sorrio…

 

Fecho os olhos

Sinto de novo o tocar da campainha

E sorrio

 

Vejo a tua imagem nítida

E sorrio

 

Os nossos corpos trémulos

O coração aos pulos

E sorrio

 

As mãos agitadas nos corpos

Rectilíneo de doçura dissimulada em receio

E sorrio

 

A perfeição intrínseca

em cada sacrílega aparição

e sorrio..

 

Não gosto de ti,

Amo-te

E tenho aqui a realidade

 Amo-te…

 

Amo-te

como Homem,

Parceiro, companheiro

Amante

Amigo

como sempre desejei vir a gostar de alguém

sorrio…

 

Sorrio

mesmo nos contornos de lucidez

 

Revejo o tempo

a meta violenta que me habituei a cultivar

e sorrio

A chaga que fica encoberta pelas roupas

deixadas ao abandono

 

e que estiveram sobre os corpos,

sedentos do teu simples toque

e sorrio

 

Toco-lhes, cheiro-lhes o imbuído

 de trejeitos secos e o odor a felicidade

e sorrio…

 

Não  gosto de ti

Amo-te

com um medo,

com uma estúpida interrogação

esculpida no dolente estado de sítio

em que fica a minha alma,

quando o teu nome é escutado

pelo chamamento da minha voz

e sorrio…

 

Sorrio

na perfeição do segredo

de que és meu e que não abdico.

 

Não quero parar de dizer que não gosto de ti.

Amo-te

Que gostarei sempre de ti.

Mas amo-te

o meu coração será sempre o teu,

o teu uma memória no meu.

Amo-te muito meu amor

E só o amor

É Real…

O nosso amor…

 

 

beijo


publicado por tueum às 09:43
link do post | comentar | ver comentários (9) | favorito
Terça-feira, 20 de Novembro de 2007

Brian Weiss

Só o amor é real

 

Para cada um de nós, existe alguma pessoa especial. Muitas vezes, existem duas, três, ou mesmo quatro. Todas vêm de gerações diferentes. 

Atravessam oceanos de tempos e profundidades celestiais para estarem connosco novamente. Vêm do outro lado do céu. 

Podem parecer diferentes, mas o nosso coração  reconhece-as. Nosso coração abrigou-as  nos braços em tempos antigos. 

Marchamos juntos nos exércitos de generais guerreiros que a História esqueceu, e vivemos com elas nas cavernas cobertas de areia dos Homens Antigos.

Há entre eles e nós um laço eterno, que nunca nos deixa sós. 

A nossa mente pode interferir. "Eu não te conheço". Mas o coração sabe.

Ela toma a nossa mão pela "primeira" vez, e a lembrança daquele toque transcende o tempo e faz disparar uma corrente que percorre todos os átomos do nosso ser. 

Ela olha nos  nossos olhos e vemos um espírito que nos vem acompanhando há séculos.

Há uma estranha sensação no  nosso estômago. A nossa pele arrepia-se. Tudo o que existe fora desse momento perde a importância.

Ela pode não nos reconhecer, muito embora tenhamos finalmente nos reencontrado, embora a conheçamos. Sentimos a ligação. Vemos o potencial, o futuro.

Mas ela não o vê. Temores, racionalizações, problemas cobrem-lhe os olhos com um véu. Ela não permite que afastemos o véu.

Choramos e sofremos, mas ela  vai-se . A "natureza" tem os seus caprichos.

Quando os dois se reconhecem, nenhum vulcão é capaz de explodir com força igual.

O reconhecimento do espírito pode ser imediato.

Uma súbita sensação de familiaridade, de conhecer aquela pessoa em níveis mais profundos do que a mente consciente poderia alcançar. Em níveis geralmente reservados aos mais íntimos membros da família. 

Ou ainda mais profundos. 

Sabemos intuitivamente o que dizer, como ele vai reagir. Um sentimento de segurança e uma confiança muito maior do que se poderia atingir em apenas um dia, uma semana ou um mês.

O reconhecimento da alma pode ser subtil e lento. Um despertar da consciência à medida em que o véu se  vai aos poucos levantando. Nem todos estão prontos para ver imediatamente. Há um ritmo nisto tudo, e a paciência pode ser necessária àquele que percebe primeiro.

Um olhar, um sonho, uma lembrança, uma sensação podem fazer com que despertemos para a presença do espírito. 

O toque de suas mãos ou o beijo de seus lábios pode nos despertar e projetar-nos subitamente de volta à vida.

O toque que nos desperta pode ser de um filho, de um pai, de uma mãe, de um irmão ou de um amigo leal. 

Ou pode ser da pessoa a quem amamos, que atravessa os séculos para nos beijar mais uma vez e lembrar-nos de que estamos juntos sempre, até o fim dos tempos.

Do livro "Só O Amor É Real", de Brian Weiss

“Ternamente ele Segura-lhe a mão pela primeira vez.

A memória desse toque corre o infinito, transcende o tempo. Alardeia-se pelo universo. Ela olha-o nos olhos e instintivamente reconhece-o de eras remotas. Ele pode não reconhecê-la de imediato, masos  seus braços arrepiam-se e tudo o mais além perde a importância... Quando ambos se reconhecem nenhum vulcao poderá conter tanto furor, tanta paixão. Tamanha a energia que é liberada. Nada no mundo é empecilho para o eclodir de tantas emoções!”

 Só o Amor é Real

Brian L. Weiss, M. D.

 

 

“A pessoa pode reconhecer a química. A atracção está lá em definitivo, mas a origem da química não é compreendida. É ilusório acreditar que essa paixão, esse reconhecimento da alma, essa atracção sejam facilmente encontradas de novo com outra pessoa. Não se tropeça numa alma gémea todos os dias, talvez só mais uma ou duas vezes numa vida. A graça divina pode recompensar um bom coração, uma alma cheia de amor.

(...)

 

Nunca nos devemos preocupar em encontrar a alma gémea. Tais encontros são coisa do destino.

Ocorrerão.

Depois do encontro, reina o livre arbítrio de ambas as partes. Que decisões são ou não tomadas é uma questão de livre arbítrio, de escolha. Os mais adormecidos tomarão decisões baseadas na mente e em todos os medos e preconceitos. Infelizmente, isto muitas vezes resulta em corações partidos."

 

Brian Weiss, in Só o Amor é Real. A História do Reencontro de Almas Gémeas”

 

 

 


publicado por tueum às 09:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 25 de Outubro de 2007

Do sol a lua sua saudade...

A lua cogita,

Estrela bonita

O sol devaneia

Neste tempo que escasseia…

 

Não cuida nas evidências

Sente

Quente

Amor

Treme

Explosão

Sorri

Fecha os olhos e sente

Sonha com as essências

Neste tempo que escasseia…

De alma que nunca vi…

 

Na cama paira a essência

De dois amantes do coração

Pensar é ter razão.

Sonhar é possuir sem decência

 

Agora reina a solidão

Entre lençóis sedentos

Abre-se-me o coração

Entre tantos talentos…

 

Neste tempo que escasseia…

Já sinto de ti a Saudade,

Que em mim teima em reinar

Queria continuar a ter-te

Aqui e agora,

Aqui ou noutro lugar…

 

Na alma vejo um espelho

No coração o riacho

Queria ter-te em mim até velho

Mas agora procuro-te e não te acho

 

Sinto corpo em completa demência

Carne, que ainda arde em explosão

Tento acamar o fogo da razão

Vergando pedindo clemência

 

Mas ainda sinto

Neste tempo que me fugiu…

Sumo de amor jorrado

Escorrendo de corpo suado

Com recheio de perdão…

 

Vergando pedindo clemência

Sinto na cama a solidão

Agora,

Gemo, grito, uivo

Amo-te meu amor

Do fundo do meu Coração

 

Adormeço sonhando,

E depressa construo uma história

 

Ele é um azul de oceano galante

Ela é um cerúleo em lago de amante

Ele tem a pérola que lhe dá luz

O lago tem a poesia que a seduz.

 

Ele é a ave que voa.

Ela, o rouxinol que canta.

Voar é avassalar o campo.

Cantar é conquistar a alma.

 

Ela tem um farol: a consciência.

Tem uma estrela: a esperança.

A luz guia.

A fé salva.

 

Ele está colocado onde termina a terra,

Da eternidade reina

Dando-lhe calor, brilho e luz

ela, onde começa o céu,

brilha á noite

e enche-se de luz…

 

Amo-te meu amor

para lá deste universo

para lá deste tempo

que nos foge a correr

amo-te

e quero muito

continuar a  ter-te...

E

Será que

consegues explicar-me amor,

como é ter-te assim...

como é possivel,

como é possivel amor

porque queria ter-te assim

porque

porque já..

 já tenho saudades...amor

 

 


publicado por tueum às 07:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 21 de Outubro de 2007

Tu e eu...Aventura...

 

 

http://br.youtube.com/watch?v=Jixa624771g

 

Aventura - Romeu e Julieta

.....

....

beijo

 


publicado por tueum às 22:45
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Quinta-feira, 18 de Outubro de 2007

SAUDADE

Saudades! Sim... talvez... e porque não?...
Se o nosso sonho foi tão alto e forte
Que bem pensara vê-lo até à morte
Deslumbrar-me de luz o coração!

Esquecer! Para quê?... Ah! como é vão!
Que tudo isso, Amor, nos não importe.
Se ele deixou beleza que conforte
Deve-nos ser sagrado como pão!

Quantas vezes, Amor, já te esqueci,
Para mais doidamente me lembrar,
Mais doidamente me lembrar de ti!

E quem dera que fosse sempre assim:
Quanto menos quisesse recordar
Mais a saudade andasse presa a mim!

 

http://www.astormentas.com/din/poema.asp?key=1880&titulo=Saudades

 

Beijo no Picoxo

Amo-te

Do sempre teu

SOL


publicado por tueum às 15:19
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 17 de Outubro de 2007

Pediste-me Sinceridade... e senti...tu e eu

Ainda não tinhas saído

E já no meu sorriso

Estava a melancolia

E já em mim havia Saudade…

 

No meu pequeno mundo

Tal como naquela coisa redonda

Onde se dá voltas e voltas

Para ir para algum lugar

Quis dar voltas e não parar

 

Quis trazer-te comigo

Quis seguir contigo

Não queria parar

porque

Não me queria de ti separar…

 

Sabes porquê?

Sabes, amor?

 

Porque é como se ainda te tivesse

Agora…

Aqui, ausente mas dentro de mim…

 

Na minha pele,

Ainda estão os teu dedos

nas minhas costas estão ainda as tuas mãos

eu

eu ainda estou presa nos teus braços

e tu estás

tu estás para sempre no meu coração…

 

Não é preciso fechar os olhos

para te sentir

não é preciso fechar os olhos

para sentir

as minhas pernas a confundirem-se com as tuas

sim…

sim amor

como um polvo

tu encaixas em mim

e eu sinto-me…

sinto-me também em ti…

 

Agora

as palavras saltam-me como gritos

gemidos de prazer

uivos, gritos de raiva e de ambivalência

mas desta vez o sorriso não foi molhado

mas como sempre

fico com uma sensibilidade

é uma sensação

que agora por impotência

não consigo definir em palavras…

 

Pediste sinceridade,

e tiveste-a…

Não sei se a devia ter usado

Mas a verdade

É essa…

 

A sensação …. Foi…

Foi esta:

 

A sensação

Do fruto da planta que antes de sairmos,

Eu já sentia

Enquanto te espreitava pela cortina

Sentindo a agua a escorregar-me no corpo

Enquanto te preparava o alimento

Enquanto te admirava

Via os teus lábios a mexerem-se

Devorando-me como teu nutrimento

Transformei as palavras em sonhos

E sentia….

Sentia

Que nem o alimento me escorria…

 

E depois no mundo redondo …

Depois…

Quando regressava sozinha

Olhava para trás pelo retrovisor

E não te via….

 

Quando meti a chave à porta

E entrei em casa

E senti o teu cheiro

Espalhado pela casa toda

Senti-te

Mas da tua presença não bebia…

No meu rosto um sorriso aparecia

Mas…

Apeteceu-me

Apeteceu-me amor…

Desculpa, mas,

Apeteceu-me desatar a correr

Voltar para trás

E fugir…

Fugir…

Não sem mas com destino

Fazendo partidas á vida

Trocando as voltas do destino

Que só nós podemos traçar…

Porque só nós amor…

Só nós podemos sentir,

Só nós podemos saber…

O destino, amor

Que só nos sabemos

E só nós podemos viver!

Porque só nós

Só nos,

Tu e eu

Somos um só…

 

Por isso desculpa

A sinceridade…

Mas esta menina,

Esta menina amor,

Esta menina,

Não está só de queixo caído

Esta menina, ama-te!

E vou-me calar,

Que hoje já me estiquei …

 

Por momentos ouço a tua voz

“Cala-te e beija-me”

 

Amo-te


publicado por tueum às 11:45
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Segunda-feira, 15 de Outubro de 2007

Li num blog

«Quando se ama alguém, tem-se sempre tempo para essa pessoa.

E se ela não vem ter connosco, nós esperamos.

O verbo esperar torna-se tão imperativo como o verbo respirar.

A vida transforma-se numa estação de comboios e o vento anuncia-nos a chegada antes do alcance do olhar.

O amor na espera ensina-nos a ver o futuro, a desejá-lo, a organizar tudo para que ele seja possível.

É mais fácil esperar do que desistir.

É mais fácil desejar do que esquecer.

É mais fácil sonhar do que perder.

E para quem vive a sonhar, é muito mais fácil viver.»

Margarida Rebelo Pinto

in    

"O Diário da tua Ausência"

 

 Li,

..

Pensei

...

Sonhei

...

Gostei

...
Sinto

...

Amei

...

Sonho

...

Não esqueço

...

Respiro

 

 

AMO-TE

AMO-TE

AMO-TE


publicado por tueum às 10:28
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Quarta-feira, 26 de Setembro de 2007

Quando eu....

 

 

Fico assim, com o coração cheio de

Inveja do meu sorriso ausente, sinto que em

Mim, algo existe que não é meu...

 

ou

 

Por isso

Agora, eu sei, agora ... sinto-me a mais. ou mais,

Uma vez perdida... e  acordo e quero acordar, de sonho que

Sinto nunca ter sido, mas

Agora não sei porquê, mas não vou continuar

 

Agora, Porque preciso

seguir

continuar

aquilo que sei ser

o meu

longo caminho para casa

 

O caminho da sua/minha casa…

um beijo amor

continuo a amar-te

agora e sempre

Amo-te

Agora, vou seguir

aquilo que cada vez mais sei

 ser

um longo caminho para casa

 

um beijo

e

amo-te


publicado por tueum às 11:58
link do post | comentar | ver comentários (4) | favorito
Domingo, 2 de Setembro de 2007

Um longo caminho para casa

 

Ontem, à noite,

vi o brilho da lua

por entre a luz de lágrimas,

de raiva, e alivio,

tal como aquelas que caíram do céu…

Lua, esta que ama,

o seu sol, distante…,

A lua que espera eternamente

pelo seu amor….

Adorava poder ser como a lua,

Olha,  lá está ela, na noite escura,

Tal como eu,

esperando pelo dia,

para puder ver o sol

esperando ver a felicidade...

Tal como eu espero

pelo dia,

em que te possa ver,

o meu sol

esperando ver a nossa  felicidade….

A felicidade que nos será dirigida,

se for…

Aqui estou eu,

como a lua, à espera da sua vez…

À espera que a estrela cadente,

lhe indicasse o caminho…

O caminho da sua casa…

uem beijo

continuo a amar-te

agora e sempre

Amo-te


publicado por tueum às 09:51
link do post | comentar | ver comentários (7) | favorito
Quinta-feira, 30 de Agosto de 2007

Desafio

Desafio da minha amiga lagrimatua 

O desafio é:

* Pegar no 1º livro que estiver por perto;

* Abrir na página 161;

* Procurar a 5ª frase completa;

* Transcrevê-la para o blog;

* Não se pode escolher o livro tem que ser o que estiver por perto;

* Passar o desafio a 5 pessoas.

Então a minha frase é:

" E, se dou o meu pão, não é para que mo paguem, é para que não mo peçam."

 

o livro é o "A Sibila" de Agustina Bessa Luís

Desafio os seguintes amiguinhos:

http://asaspavoar.blogs.sapo.pt/

http://asincertezasdeumaamante.blogs.sapo.pt/

http://romazeira.blogs.sapo.pt/

http://aspalavrasnuncatedirei.blogs.sapo.pt/

http://estrelademim.blogs.sapo.pt/

Um abraço para todos

sinto-me: Desafiada


publicado por tueum às 09:34
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 28 de Agosto de 2007

Quando, tu e eu....

Quando as pessoas se amam

e se querem amar,

selam um pacto:

Dormir juntas.

E quando se fala em

"dormir juntos"

o sentido tem duplo significado

significa primeiro

amar acordado

em plena vigília da carne,

mas, depois,

na lansidão do pós-gozo,

deixar os corpos lado a lado,

 à deriva,

dormindo,

talvez....

Na verdade,

os amantes,

quando são amantes mesmo,

mesmo enquanto dormem 

amam-se ...

Agora  esses versos de Aragón cantados por Ferat:

"Durante o tempo que você quiser

Nós dormiremos juntos".

E penso.

É um projeto de vida,

dormir juntos, continuamente. -

A mesma ambigüidade:

dormir/amar juntos,

dormir/acordar juntos,

ou então,

dormir/morrer de amor juntos. 

 

Deve ser por causa disto

que os franceses chamam o orgasmo

de

 "pequena morte".

Deve ser por isto

que os amantes

 julgam que poderm continuar

a amar

 mesmo depois da morte,

 como Inês de Castro e D. Pedro,

que foram sepultados um diante do outro,

para que no dia do reencontro

um seja o primeiro que o outro veja. 

Amor:

um projeto de vida,

um projeto de morte.

 Se numa noite dessas,

o vento da insônia soprar nas tuas frestas,

repara no corpo que estiver a dormir

 despojado ao teu lado.

Ver o outro dormir

é coisa de muita responsabilidade.

 Mais que ver as águas de um rio represado

gerando uma usina de sonhos,

é ver uma semente na noite

pedindo um guardião.

 

Pode ser banal, mas é isto:

amar é ser o guardião do sonho alheio.

Os surrealistas diziam:

o poeta enquanto dorme trabalha.

Pois os amantes enquanto dormem,

amam-se.

amam-se  inconscientemente,

quando os seus desejos enlaçam raízes e seivas.

O pé de um

toca o pé do outro,

a mão espalmada corre sobre o lençol

e toca o corpo alheio

 e,

dormindo,

abraçam-se animados.

Quando isso ocorre,

pode ter vários significados.

Talvez um tenha lançado um apelo silencioso ao outro:

"Ajude-me a atravessar esse sonho",

ou:

"Venha, sonhe esse sonho comigo,

é bonito demais".

E o outro, às vezes, sem se mexer,

parte em seu socorro.

É que certos sonhos,

sobretudo os de quem ama,

não cabem num só corpo.

Transbordam os poros da noite e

pedem cumplicidade.

E se há um pesadelo,

aí um agarrarar-se-á ao tronco do outro

na crispação do instante,

e o corpo do parceiro

é bóia na salvação.

Por isto, no ritual do casamento,

quando o sacerdote indaga

se os que se amam sabem

que terão que se socorrer

na saúde e na doença,

na opulência e na miséria etc...

deveria  inserir-se um tópico a mais

e advertir:

... amar é ser cúmplice do sonho alheio.

Passar a metade da vida dormindo ao lado do outro.

Há pessoas que vivem

 25 anos - bodas de prata,

50 anos - bodas de ouro,

75 anos - bodas de diamante - ao lado do outro,

e

não sabem

com que o outro sonha.

E há quem passe

uma tarde,

uma noite

ou uma temporada ao lado

de um corpo

e sabe os seus sonhos para sempre.

Engana-se

quem escuta o silêncio

no quarto dos que amam.

Estranhos rumores percorrem o sonho alheio.

Não é o rugir do tigre pelas brenhas.

Não é o bater das ondas na enseada.

Nem os pássaros perfurando a madrugada.

São os sonhos dos amantes em plena elaboração.

E se numa noite dessas

o vento da insónia

de novo soprar nas tuas frestas,

olha pela janela

os muitos apartamentos

onde pulsam dormindo os amorosos.

Quando se compra um apartamento novo,

nas alturas,

 alguns

compram lunetas

e ficam vasculhando a vida alheia.

Mas para ouvir o ruído dos sonhos

basta abrir os ouvidos na escuridão.

Os sonhos pulsam na madrugada.

Era uma vez um chinês

que toda vez que sonhava com sua amada

acordava perfumado.

Deve ser por isso que,

ainda hoje,

o quarto dos amantes

amanhece com um perfume de almíscar,

lavanda e alfazema.

E é comum achar troféus dos sonhos

ao pé da cama de quem ama.

Quando se abre a pálpebra do dia,

aí pode-se ver

um unicórnio de ouro

e uma coros de rubis.

À noite

os sonhos dos amantes cristalizam-se

e de dia

se liqüefazem em beijos e lágrimas.

Quem ama diz boa-noite

como quem abre/fecha a porta de um jardim.

Não apenas como quem viaja,

mas como quem vai para a colheita.

Quando  ama,

acontece

de um habitar

o sonho do outro,

e

 fecundá-lo.

 

(by: Affonso Romano de Sant'Anna)

 

AMO-TE


publicado por tueum às 22:48
link do post | comentar | ver comentários (3) | favorito
Domingo, 26 de Agosto de 2007

Sei....



Rui Veloso - Sei de uma Camponesa

.....

Sei

SEI

de

Uma Camponesa

....

beijo


publicado por tueum às 09:31
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 24 de Agosto de 2007

Eu sei porquê...

Eu sei

mas não quero saber porquê

porque pela saudade

sinto-me assim

carente

e

 insegura

e para me sentir melhor

resta-me olhar o sol

á noite sentir a lua

e além disso

relembrar

doces palavras

 

  Ui linda, não está fácil, mas mesmo nada, a distancia que me separa de ti,  a falta que me fazes, a falta que me faz namorar contigo,  eu amo-te menina, eu amo-te, (….)"

  Já bem melhor

e de sorriso

recuperado

continuo a deliciar-me

- Sabias que és um amor? Que és uma querida? Que és linda?

 - Sou? Não sou nada, sou apenas uma mulher que te ama …

- O facto de ser uma mulher que me ama, faz de ti aos meus olhos, a única mulher deste mundo que me merece, que merece meus mimos, a minha atenção, mas principalmente, que merece o meu amor, o facto de ser uma mulher que me ama, faz sim de ti uma querida, um amor, faz ti uma mulher lindaaaaaaaaaaaaaaaa

- Se continuas a mimar-me assim, ainda te levo ao castigo!

 ai ai ai

de olhos brilhantes

já ninguem me rouba o sorriso

e falta-me  

um

"Percebeste muito bem, és, e sempre serás para mim a mais bela mulher porque para mim, basta pensar em ti, fará ver-te, ter-te, seres minha, para sentir o que nunca senti e nunca vivi , tunga , com esta mereço um beijo (acho eu) eheheh"

 

 Finalmente para me deixar no auge

 

Ontem olhei para Lua e vi-te linda que me escorreu uma lágrima pela face abaixo....

Eu amo-te amor meu, eu amo-te e agora muito a sério, 

Eu amo-te

Eu quero e tenho a certeza de uma coisa

Tu amas-me, não é? Isso é que é importante ....

 

 

Agora sei porquê mas

já não estou insegura

já não me sinto tão carente

e já consigo sentir o sol

Estou com a sensação

de quem

De quem sente

De quem

Olha o céu

e sente a lua

A lua a sentir o sol

o Sol a sentir a Lua

e

no céu que está a ficar nublado

vejo o azul limpo

apesar do sol

não conseguir ver a lua…

 a lua

sente o sol

....

trim, trim

" Olá amor,cada vez te amo mais e mais,(...) beijo com AM"

lol

ai ai

beijo amor,

eu também

lol

Telepatia

beijo amor


publicado por tueum às 17:45
link do post | comentar | favorito

Depois do ultimo post...

 

Nem de propósito

depois do ultimo post

encontrei o seguinte pensamento

.....

 

"Não confundas o amor com o delírio da posse, que acarreta os piores sofrimentos. Porque, contrariamente à opinião comum, o amor não faz sofrer. O instinto de propriedade, que é o contrário do amor, esse é que faz sofrer. (...) Eu sei assim reconhecer aquele que ama verdadeiramente: é que ele não pode ser prejudicado. O amor verdadeiro começa lá onde não se espera mais nada em troca. "

(Antoine de Saint-Exupéry, in 'Cidadela')


publicado por tueum às 15:55
link do post | comentar | favorito

Tenho saudade e....

 

Não sei porquê

Mas estou insegura

o coração apertado

talvez por estar bem regado

pelo sentimento chamado

saudade....

 

Não sei porquê mas continuo insegura

Estou com uma estranha sensação

Olho o céu e em vez de ver o sol

vejo a lua

A lua triste

Esquecida

escura

no céu que está a ficar nublado

e o sol não consegue ver a lua…

 

Está longe

e vai acabar por esquece-la

Pergunto-me…

massacro-me

e bebo do veneno

chamado silencio

Estará  a perder importância?…

 

Sensação

de que tudo isto

não vai passar de uma lenda passada

De um fruto proibido

consumido

Acabado

Terminado

Sem nunca verdadeiramente ter começado…

 

Uma historia  que tem tanto de encantar

como de falta de coragem

Ou quem sabe

Se falta de amor…

ou amor insuficiente

 

Uma ilusão

E com isso

Não posso deixar de me sentir

 

Tonta

Uma tonta,

Medo

É o sentimento

Insegurança

medo

Por

Querer

Por acreditar

Que a lenda vai longe

E que vou ser a tua lua

a tua mulher

Para alem da tua amante

Vou mas é beber de descanso

distrair o coração

porque

Isto deve ser

Má fase

Vou dormir

E afastar este pensamento

Tentando afastar

Esta fútil sensação

de silencio

De amor estéril…

 

um beijo

 

 

 

 


publicado por tueum às 14:20
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 22 de Agosto de 2007

Continuando na cama....

 

-Inveja da cama?

- De estar contigo na cama, mesmo que ela esteja carregada de pregos e arames, desde que os pregos não nos piquem o rabo...

 - Não há cá pregos amor, nem arames, só.....só eu e tu … só eu e TU e um beijo

- EU e TU

 

 

um beijo 


publicado por tueum às 23:10
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Bom dia amor

Não sei porquê

Mas continuo insegura

E

 

Bom dia amor, saí e não tive coragem de te acordar, estavas linda, um anjo, dei-te um beijo.......... na ........testa e mexeste-te, tapei-te e tu sorriste, bom dia eh, eh! "

......

Ai, ai , ai....

Bom dia amor!

BOM DIA meu amor!

...

beijo


publicado por tueum às 08:47
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 21 de Agosto de 2007

Saudades...

Não sei porquê

Mas estou

estou com saudades

insegura

E pus-me a ler

 

“Poderíamos por essa saudade um pouco de lado, mas eu não consigo, está cá cravada e bem funda. Quero eu dizer que poderíamos apenas amar e não sentir saudade, mas isso é impossível! A saudade está cravada bem funda, aqui dentro…”

fiquei melhor

um beijo amor

 



publicado por tueum às 22:35
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 20 de Agosto de 2007

Quando eu...



sinto-me:
música: Quando eu te falei em amor

publicado por tueum às 16:31
link do post | comentar | favorito
Domingo, 19 de Agosto de 2007

Eu amo-te muito

 

Eu quero e tenho a certeza de uma coisa

Tu amas-me, não é?

Isso é que é importante

Um abraço agora mesmo

Trocava o mundo, por um abraço teu

Eu amo-te nina

Eu quero é uma coisa de ti nina

Quero que tu estejas bem

Quero ver-te sorrir

Quero ver-te a sorrir para mim

Fica é com uma ideia bem certa,

eu amo-te e não te esqueço

por um momento que seja,

Sempre que haja alguma coisa,

lembra-te de mim

e sonha muito comigo

 

Eu amo-te e muito

E muito

Estamos na nossa sintonia

Agora e sempre

E sempre iremos estar …

 

Vá amor tenho de ir

As minhas férias ganharam pontos hoje

mesmo com esta nossa conversa

Amo-te

Nina

Diverte-te, sonha comigo e tem calma,

E dê o mundo as voltas que der,

eu amo-te

Beijo com muito amor, de mim para ti

Beijo

Aliviado,

 sabes,

 é o sentimento que tenho neste momento

 é de um certo alivio

Por ti e por mim,

desculpa este desabafo

Mas é o que sinto

Vá amor

Um beijo

Beijo

Amo-te

Fui

 


publicado por tueum às 19:26
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Também te amo muito, amor

Eu também te amo muito,

Amor….

Não há coincidências,

Mas cada vez que

Ponho o meu pensamento

Mais concentrado em ti,

Tu dás-me…

Tu dás-me o sinal de que eu preciso!

 

A toda a hora penso em ti,

Mas se por vezes,

Me concentro mais

E me escorre uma lágrima,

Não tenho o teu abraço,

Nem o teu corpo,

Para me aliviar a dor,

Mas,

por obra do destino

(de que tu não acreditas, eu sei),

Ou talvez por telepatia,

Tu apareces-me dizendo,

“Amo-te, amo-te e amo-te cada vez mais. Bjo com AM”

 

E  eu tenho muito, amor,

Tenho o meu sorriso,

Porque sinto que tenho o teu

AMOR…

 

Agora,

Agora respondo-te eu,

Por aqui é certo,

Mas respondo-te

 

EU TAMBÉM TE AMO, AMOR

 

E neste momento olhando o céu azul

Peço um desejo ao meu anjo

Que nos guarda,

Peço-lhe

Que te lembres dos meus olhos

E do brilho que eles radiam

Ao verem os teus,

O brilho do amor que eles espelham

Quando se olham nos teus,

E vêm o meu amor em frente deles,

Eles gritam-me ao coração

Apresentando-te,

Como quem me quer acordar,

OLHA;

Este

Este, é o teu amor,

E eu de alma molhada penso

É verdade

O meu amor…

 

Amo-te amor, muito, muito, muito,

E rezo para que

Brilhe o amor

E o nosso amor se ilumine

Do nosso sorriso

 

Amo-te

Muito

E tenho-te sempre comigo,

Não só no pensamento,

Mas também no coração…

 

QUERO-TE

MUITO

E vou rezar por nós….

POR Nós…        

 

Peço também ao meu anjo

Que

Não me esqueças,

Não desistas,

E não deixes de pensar

Nos nossos olhos,

E tal como eu

Dá voz ao coração….

 

Amo-te muito amor

 

 ps-hoje, apetecia-me, apetecia-me muito maratona, de mimos, amo-te muito...

 


publicado por tueum às 15:31
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Sexta-feira, 17 de Agosto de 2007

Respondo sim

 

Respondo sim amor,

 

EU AMO-TE

Muito

Muito

Muito

e

Saudades?

Ui

são mesmo muitas

...

MUITAS

AMO-TE


publicado por tueum às 17:33
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 16 de Agosto de 2007

Amo-te amor e compreendo-te... Sempre...

 

Hoje

Sozinha

Só eu

Vejo

o sol a romper nas nuvens

que vi cheias de lagrimas

 as minhas lágrimas

A cair do céu…

 

Penso no futuro

E em como o céu se pôs negro,

O clima se tornou frio,

E em como  do céu

Caíram lágrimas fortes

Torrenciais, em alguns pontos dos pais…

 

Eu, tua lua

Enfrentei-as como pude

usei da força que nao esperava ter

Vestida com a capa que já não tenho

Enfrentei a tempestade no meu céu…

 

Agora,

Cansada e frágil estou

No  meio do céu escuro

Iluminado pela média luz fosca

De estrela distante

Luz de AMOR puro,

forte e indomável,

sentimento

nunca sentido

Da lua pela sua

Estrela brilhante

Tu...

 

Agora, amor

Vejo,

Manto escuro

Como a cartilha da vida

que li no céu

Triste, Incerta,

vejo  longe a lua

Sem um abraço

triste

Sozinha

sorrindo sempre

para TI

sorrindo

no meio de chuva

que cai do céu

Perdida…

 

A lua brilha

Por entre a luz de lágrima

De raiva, e alivio,

Que caiu do céu…

 

O final de Agosto

Parece ter chegado mais cedo,

Cheguei a Setembro sem esperar,

parecia inverno

chuva, em lagrimas

e ceu nao só nublado

mas até com nevoeiro...

parece que chegamos ao final do ano...

Agora

Pela incerteza espero calada,

Por nós…

 

Queria tanto ter-te

Ser para sempre a tua lua,

Mas não só….

A tua mulher…

Não só agora

Mas para sempre….

até o amor  do sol e da lua decidir....

 

Por ti  meu sol,

pela tua luz

a lua agora espera

quieta

calma

sozinha

e calada...

Sozinha

mas acompanhada

pela força

do nosso amor...

sim

estou bem,

bem

acompanhada pelo nosso amor

espero

Pelo duelo do amor

Do sol e da lua

….

Lua, esta

Que te ama, meu sol,

Muito…

Muito,

Muito…

e te compreende,

e compreenderá sempre!

SEMPRE

A lua 

Espera-te

Espero-te meu amor

Tu meu sol

 e eu  tua lua

UM

Só amor

Só nosso…

 

Amo-te

E estou aqui

Na noite escura,

Como a lua

Espera pelo dia

Para ver o sol

Eu espero por ti,

Espero amor

espero por ti

À espera da felicidade

À espera da nossa vez…

 

Amo-te

Boas ferias

Estou aqui  amor

….

AMO-TE

 


publicado por tueum às 08:59
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 8 de Agosto de 2007

Não me esqueces...

 

Não me esqueces pois não?

Estarás sempre aqui comigo

Alias, já cá cantas não é?

Ontem, hoje

e para o resto dos dias de sol e lua que houver….


publicado por tueum às 19:22
link do post | comentar | favorito

Se tu soubesses....

 

Se soubesses

as vezes que já tive

na fronteira de rebentar,

de dar o tal pontapé

Só depois do final de Agosto,

é que temos mesmo de conversar,

analisar tudo muito bem, e 

e

ou irmos juntos contra tudo e todos

ou

ou 

ou amor,

ou nem quero escrever

o que sei que tu também estás a pensar,

 não é?

 

Oh linda,

continuarmos assim distantes?

 Queres continuar assim?

 Eu também nunca,

mas nunca me irei afastar de ti,

nunca,

não te safas de mim,

nem penses …

 

 

Adorei este momento de namoro

Amo-te

Nunca te esqueças

Eu amo-te

E logo,

vou sim olhar

mais uma vez para Lua …

Diverte-te a pensar em mim,

aproveita o tempo o melhor que puderes,

porque para o ano

 pode ser que tenhas

e tens de ter

 um chato colado a ti

EU


publicado por tueum às 19:20
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 6 de Agosto de 2007

Bebendo nesta palavras, amo-te...

 

 

Eu amo-te amor meu,

eu amo-te

e agora muito a sério,

temos mesmo de resolver

nossa vida,

sabes,

 isto está-me a consumir por dentro,

 todinho …

tem doído muito …

Eu ando

pareço um maluco,

eu nunca fui assim…

Terrível é muito pouco ….

Acredita amor,

que se não fosse .........

muito certamente

eu já te tinha ido aí raptar-te …

penso em ti a toda a hora amor!

 

Claro que sim,

muito calma, nina,

é a calma

e a nossa maneira de ser

e de estarmos na vida,

 é que nos tem aguentado,

 e a meu ver bem não é?

Mas não está nada fácil,

nada mesmo!


publicado por tueum às 19:16
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 31 de Julho de 2007

Olha amor,

Amo-te

 

Estou contigo

 

estarei sempre contigo

 ontem,

hoje,

amanhã,

SEMPRE,

e

levo-te comigo

no meu sorriso

e

cada vez que te sonhar bem

ele abrir-se-á no espelho

lado a lado do teu...

Dá-me um sorriso teu

e

 eu

esperarei calmamente

 

cheia de saudades

mas confiante,

crente na especialidade

do que sentimos

 

pelo momento

o momento certo

Aquele 

em que

 

serenamente

 

tu e um

 

encontremos

 

o nosso caminho

aquele caminho com um sorriso,

sorriso

que nos transmite a paz

que temos no coração

quando sabemos

que está tudo bem,

que estão todos bem,

e que podemos

ser nós

tu e eu

 

alcançando

 

o

 

UM só

 

...

 

beijo

amo-te muito

....

aqui fica o que me pediste

.....

“ Outra noite meu querido

Pus-me a dormir

 tive um sonho,

e prendi-o nos meus braços

Quando eu acordei, meu querido

estava confusa

Assim

pendurei a minha cabeça

e gritei.

 

Tu és a minha luz do sol

A minha única luz do sol…

Tu fazes-me feliz …

 

Quando o céu for cinzento

Tu nunca saberás querido

O quanto te amo …

Por favor não apagues

a minha luz do sol

Deixa o sol brilhar

assim dentro de mim

Enfrentá-lo-ei com um sorriso

Um forte sorriso e nunca frouxo

E a ameaça nunca ganha

Deixando assim o sol brilhar dentro de mim

 

Enfrentá-lo-ei com um forte sorriso

Aberto acima do teu coração

e deixarei o sol lá dentro brilhar

 

A minha mãe disse-me algo

Que as meninas pequenas devem saber

Contou-me tudo sobre o diabo

E eu aprendi a odiá-lo

Assim eu sei que ele será infeliz…

Por isso eu nunca franzirei as sobrancelhas …

 

Talvez se nós nos mantivermos a sorrir

Ele comece a ficar cansado da forca …”

 

Mais um beijo

Tu és a minha luz do sol

A minha única luz do sol…

Tu fazes-me feliz …

AMO-TE MUITO MUITO MUITO

um beijo  e um sorriso

molhados

INTÉ

AMO-TE


publicado por tueum às 16:03
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sábado, 28 de Julho de 2007

É tão bom .... ler....

 

- Estou eu a querer dizer, que (quando) um dia ficarmos juntos, será até á bengala

 

- Nina nina, mas quando te vejo? Acreditas que não paro de pensar nisso?

- Também eu e não sei como vai ser só sei que vai ser muito complicado, é um facto, ferias... e não é fácil...

-Tenho de te o dizer, a cada dia que passa, este sentimento fere-me cada vez mais por dentro, não dá para chegar até ao fim do ano, depois das férias, amor, temos mesmo que conversar, tu e eu, e eu lá, mas vá, não te preocupes com este desabafo, até porque me estou a rir para ti, sempre e muito…

amo-te, amo-te e amo-te


publicado por tueum às 19:04
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 4 de Julho de 2007

Coragem...

 

- Oh amor, falta-nos, falta-me coragem admito que sim, por isso todos os dias, mas todos os dias penso em pedir-te mil desculpas por essa falta, nunca me fartarei de ti, nunca, desde que nunca mudes, é impossível eu me fartar de ti, entendes? e

- Percebi-te sim, muito bem

- E ficas magoada comigo, quando digo isto?

- Não … apenas, fico triste…

 - Entendo-te amor, mas não fiques, o nosso amor é muito melhor que qualquer outro sentimento… amo-te, amo-te, queres que te diga mais alguma coisa eu digo e

- Não

- Pronto, mas eu digo na mesma … AMO-TE muito mais do que há pouco e já estou a magicar, mas deverá ser numa segunda, se der, poderá ser?

- Deve ser

- Deve? Obrigação? Estou a brincar, amor.. Amo-te menina


publicado por tueum às 19:03
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 3 de Julho de 2007

A causa...

 

- A causa é muito mais simples que isso, é falta de te ver: de te ter : de estar contigo

- Isso tem um nome: eu tenho: é saudades tuas amor: muitas ainda há pouco estava a almoçar e a pensar nisso... Quando, quando, será?

- Essa pergunta não me sai da cabeça, acredita: quando me diz? Quando poderá ser?

- Não sei amor: tanto pode ser mais próximo do que julgamos como mais longe do que queremos

- Sábias palavras amor, bem sábias, é também por isso que te amo tanto

- É verdade, algo me diz que é assim

- Algo me diz que infelizmente será assim por algum tempo

 

- Beijo

- Só um?

- Qualquer dia quando eu me colar ao teu pescoço tu  fartas-te

- Não, menina, NUNCA! 


publicado por tueum às 18:56
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito

Simplesmente...

 

QUERO

te

Amo

te

Simplesmente

Amo

te

simplesmente

porque

nunca 

despedir

quero

me

não

e

te

amo

simplesmente

te

amo

sempre

e

agora

sempre

ter

vou

corpo

no

peito

meu

no

pensamento

meu

 

no

instalado

coração...

meu

 

no

tenho

te

simplesmente

amo

te

simplesmente

porque

quero

te

Amo

te

...

quero

te

tu e eu

um

amor

 

simplesmente

....

amo-te


publicado por tueum às 11:13
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 1 de Julho de 2007

MINHA VEZ

 

AMO-TE

 

Não Amor, não escrevo como tu, por isso me desculpa, mas tu sabes que eu te amo, tu entendes, tu sabes, eu sinto que sim.

Palavras não me faltam, forma de exprimir também não, mas escrever amor, escrever, nunca terá sido e sei que nunca será o meu forte. Olhos nos olhos, assim sim.

Ler-te, isso sim, ler-te é sinónimo de liberdade, é sinónimo de alegria, porque na tua escrita estou lá, sou um sortudo, sou um felizardo, mesmo que por vezes tenhas de pôr a nu sentimentos que nem sempre queremos sentir, mas que fazem parte do nosso quotidiano, da nossa vida, da nossa infeliz distância, da nossa situação, da minha condição.

Amo-te, grito amor bem alto, amo-te, tu não imaginas a quantidade de vezes e a força com que o faço, pode haver quem diga: acordei e pensei em ti, pois eu não posso dizer isso e sabes o porquê???

Porque o sonho não despega, deito-me a sonhar contigo, em nós, numa vida a dois, nas tristezas, nas felicidades, nas barreiras, nas coisas boas, não as que a vida nos dá, pois eu não acredito nisso (desculpa a frieza, a vida assim mo o ensinou), mas sim nas coisas boas que nos podemos dar um ao outro, deito-me e levanto-me, faço a barba, tomo banho, visto-me, como, trabalho, vejo, respiro, corro, nado, e tudo mais que um simples mortal possa fazer, mas menina, tu tas lá, sim tu amor meu, sim tu minha menina, minha nina, tu tas presente, estás em todos os momentos.

A brincar apelido-me de cota, talvez por causa de tantos (e são mesmo muitos), cabelos brancos (e já estão em todo lado), mas nunca, com esta idade e o que a vida já me proporcionou viver, tanta coisa, em tanto lado, com tanta gente, te confesso: nunca mas nunca amei, nem vou amar mais ninguém, independentemente o que a vida, essa magana me guardar, nos reservar.

És e serás, a minha mulher

Amo-te

Amo-te muito, mas mesmo muito

Como tudo começou, eu repito:

Olá menina

publicado por tueum às 22:33
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 28 de Junho de 2007

Ai

 

Amor

Amor

Amor

Amor

Amor

 

Saudade é reviver cada momento,

Sentir as mesmas emoções

Saudade é acordar de manhã

e ter-te no primeiro pensamento

e nos demais, que me vão invadindo a mente

pelo resto do dia.

 

 

Saudade é desafiar para olvidar

Infrutífero desejo sempre presente

nos restos tangíveis que permanecem,

 

Saudade é estar com os olhos marejados

Por constatar que não há restos

Que há uma montanha de lembranças

e que elas são o nosso maior e melhor legado.

 

Saudade é ter o desejo

De poder mandar n tempo

De poder colar em mim a impressão

De que tu não partiste,

e que, a qualquer momento,

não importa se aqui ou além

se nesta ou em outra vida,

 

Retomaremos a viagem

Na aventura do tu e eu um

e estaremos de novo

caminhando

lado a lado

Nós!

Tu e eu,

um só

AMOR

...

Amo-te MUITO

 


publicado por tueum às 08:41
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 26 de Junho de 2007

Desculpa amor mas,

 

 Amo-te muito sabias?

Por infortúnio do destino, tivemos conversa cortada a meio… E não me sinto bem. DE facto sinto que preciso escrever… Falar, desabafar… Apetece-me gritar bem alto que te amo, sabias? Que te amo, e que quero que se Fda tudo… Será assim tão censurável, uma mulher e um homem amarem-se assim? Não, não é.. Só é censurável porque não nos conhecemos na altura certa… Naquela em que devia ter sido.. Fico então a saber que há alturas certas, em que podemos amar… E nas outras temos de sofrer, respeitar, aceitar aquilo que tem de ser… Respeitar quem temos a nosso lado, apesar de não nos completar, mas que nos ama, e sofrer porque não somos felizes… Aceitar porque a vida é assim, e porque a sociedade nos diz que assim é que está certo…. Pois é.. Pois está…

Mas a mim apetece-me gritar que te amo, e que te quero, que te quero ao meu lado, só meu e eu tua…. fdse ….

Cada vez tenho mais medo de te perder…  Cada vez sinto que te amo mais, que o que sinto por ti é mais forte, um amor mais maduro, e nem tanto e apenas uma paixão… É um misto amor, é paixão, é desejo, é amor!

E eu tenho medo amor, medo de perder o meu amor.. De estar a deixar passar o tempo, e de te sentir a escorregar-me entre as mãos, a ti e à minha e que também acredito ser nossa felicidade…

Amo-te cada vez mais, e cada vez mais sonho em ter-te comigo… Em te ter ao meu lado, em acordar ao teu lado, em me deitar todos os dias e te dar um beijo de boa noite amor, dorme bem . E depois ficar ali sossegadinha a ver-te adormecer, em sentir a tua respiração… Em me mexer devagarinho quando tiver de me levantar para não te acordar… Em sorrir ao ver-te dormir ali ao meu lado descansado feliz e na paz de quem tem muito amor e se sente muito amado e feliz…

Sonho contigo todos os dias… Connosco, na família que poderíamos criar… Connosco com a felicidade que tens e com a que podíamos gerar, fazer nascer e dar vida, crescer…

Sonho contigo, connosco e com as dificuldades que ambos teríamos força para ultrapassar com o nosso amor… sinto-nos unidos, e capazes de ser sempre unidos pelo nosso amor… Sinto que com ele, e por causa dele nos podemos fortalecer.. Basta acreditar…

Sonho contigo porque sinto a vontade e o desejo que tenho,  de te ter aqui ao meu lado… A falta que me fazes aqui ao meu lado… Um abraço teu, um beijo, um olhar um sorriso uma apalavra…

Se há dias em que me apetece mandar tudo ao ar, hoje é um deles….

Se há dias em que me apetece chorar por não te ter, hoje é um deles..

Estou cansada de não te mostrar de esconder que te sinto desta forma.. Que o meu medo é porque me sinto mesmo muito perdida… Sinto que o meu coração se apoderou da razão, e que nada mais em mim, manda mais do que ele… E hoje rendi-me…

Se calhar não vais gostar de ler isto, mas apetece-me gritar que te amo, para que toda a gente possa ouvir e para que não haja duvidas… Para que aceitem o meu amor por ti e respeitem que és tu o meu amor… Que me vejam como estou, completamente caídinha por ti. De queixo caído lol…

Sonho contigo amor…

Sonho com as coisas banais e com as coisas mais especiais que podíamos ter. Sonho com o amor e em como ele nos ajudava a superar os desentendimentos ou o descarrilamento de alguma carruagem no nosso comboio da vida em comum…

Sonho muito sabias? Mas amo-te, e isso não é sonho, é a realidade… Assim como é realidade que apesar de juntos no amor, estamos separados em quilómetros de distancia, e em milhas de curvas da vida que já vivemos….  Vida que já vivemos que existe que ambos respeitamos porque também lá há amor.. Uma diferente forma de amar, mas também há amor… Não és meu, mas sinto-te meu… Não me sentes tua, mas sou só tua… Sou eu a tua mulher, és tu o meu homem… És tu que eu amo, que eu vejo como homem que eu  respeito e que eu desejo…

Nunca te vi só como sexo, nunca te vi só assim… Sempre te vi completo, com tudo o que tens de mais sagrado… Com a tua luz, que sempre respeitei, e que pelo amor que sinto por ti, também já amo, quase como sendo meu… Como sendo do meu amor…

Amo-te muito e tenho-te da forma que te posso ter, e se mesmo assim sou feliz, imaginas o quanto poderia ser, tendo fisicamente o teu sorriso aqui ao meu lado… Sentindo o som das tuas gargalhadas, da tua voz, do teu olhar enrolado no meu…

Tenho pena amor, mas percebo e também tenho fé que um dia conseguiremos ambos ter forças para lutar os dois juntos, lado a lado com o mesmo fim,

Sermos felizes os dois

Como homem e mulher

Sem medos

Sem mentiras

Sem segredos

Sem obstáculos

Sendo nós

Apenas nós

Tu e eu

Um

Amor

 


publicado por tueum às 23:51
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 14 de Junho de 2007

santo antonio

noite

de amor

e dia

cheio dele

 

baptismo de santo antonio

assim espero

em ti

e

em mim

baptizando-nos a nós

a mim e a ti

tu e eu

e

ao nosso

amor

um só

...

 

amo-te muito


publicado por tueum às 00:04
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 8 de Junho de 2007

É melhor ir esquecendo?

 

Sinto que não estamos bem…

Sinto que te estou a perder, sinto que o amor está a esmorecer. O teu amor por mim… Porque eu, eu, continuo a lutar para acalmar o meu amor por ti… Estamos atracados no cais e não tencionas dar nem mais um passo em frente…  Pelo contrário, fazes tudo para te distrair… Já chegamos ao que sempre vamos ter… De nós… só nos alimentaremos desta forma e de nenhuma outra…

Fico num abismo de pasmação com as minhas reacções que tento controlar…

ciúme, ciume, ciume... é o que sinto...quando te oiço falar… vou aqui, vamos ali, vamos fazer isto e aquilo… sinto algo dentro de mim a corroer-me nas veias, em chama quente, sinto um frio no estômago, e os olhos enchem-se de lágrimas no coração de tristeza…. Só me apetece chorar..

Mas por outro lado compreendo-te.. Porque quando, sou eu… Quando sou eu que vou, tu vais sempre comigo também… ( tenho esperança que me continues a levar para todo o lado contigo também... no coração.... E apesar de tudo, tu és tu, e tu és especial… És o meu amor! Tu… O MEU AMOR...

Mas, não consigo evitar este sentimento…. Tenho medo… Muito medo…

Pensar que tudo foi um sonho, um filme, um romance que se lê num livro, e se imagina tudo… mas nada de real…  Apenas o já vivido... Futuro .. O futuro é isto! Nada mais do que isto... Afinal, falta-nos algo, não é amor, mas sim coragem… Ou será amor? Não sei…  Já nem sei.... Talvez esteja a viver uma mentira... Não, não posso acreditar nisso.. Recuso-me Vi-te nos olhos muitas vezes o amor a brilhar...

Há dias em que me apetece lutar por ti, noutros apetece-me lutar contra mim, para te esquecer e seguir a minha vida em frente, com quem me ama, e fazer disso a minha possível felicidade… Quero marcar a minha presença na vida, com o que de mais sagrado podemos ter… Quero seguir em frente… Mas por outro lado sinto que também te quero muito, que contigo seria feliz… Que me adianta seguir na mentira, tentar a semente e fingir que serei feliz por tudo ? Não nego que o serei, pela semente..  Sonho ter a semente, mas e depois? E eu? terá de ser assim? Mas e eu? Só de pensar já me arrepio e nem quero imaginar o que me pode estar a suceder agora mesmo, em mim…. Nem quero pensar.. Porque adivinho não uma tempestade mas um furacão, se o meu receio estivesse certo…

Em estado de nervos, é como estou…. Uma vida, nem quero pensar… Não vai ser nada, não deve ser nada, tal como não será nada mais do que isto, esta nossa relação…  Fico triste amor, e só me apetece é chorar…

Fico muito triste quando penso que  somos apenas um amor proibido, com encontros ocasionais, em que se vomitam palavras tais como:

-Amo-te muito amor…. Nunca te esqueças…

O que me rasga o coração é o facto de já não sentir estas tuas palavras da mesma forma…

Não consigo acreditar nessas palavras, da mesma forma como antes…

Está bem não esqueço… mas choro… E de ti? É melhor ir esquecendo?..

....

desculpa

Amo-te


publicado por tueum às 21:34
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 30 de Maio de 2007

Hoje...

 

30 de Maio

Meu deus

Só posso estar a ficar louca

Estive a arranjar o nosso blog

E sinto que te amo tanto

De repente vejo-te a sorrir,

A escrever,

E controlo-me…

Controlo-me…

Tenho de me controlar…

Nunca senti um descontrolo assim…

 

O meu único caminho

É desabafar aqui….

Eu e esta pagina,

Somos amigos íntimos

Onde conto este segredo…

Nunca amei ninguém assim

Nunca senti ciúmes assim

 

Vou-me controlar

Não olhar para a janela

E disfarçar…

 

Assim fiz…

Mas ao ve-lo  rir ao telefone,

uma coisa normalissima,

mas

Na minha cabeça ficou um filme,

o tal mal resolvido...

Devem ser as amigas,

A tal amiga…

 

Sinto-me tão mal….

Tão mal…

Ponho-me a escrever

A disfarçar

E desabafar da maneira que posso

 

Nem lhe consegui responder

Isto não é normal

Nada disto que me esta acontecer

É normal…

Regressei agora do meu jantar

Dez minutos

Chorei

E voltei a chorar

Até porque tenho medo

De esta noite não voltar com ele a falar

Pior do que isso

Pensar

Onde possa estar

e como gostaria de estar com ele agora

E porque se despediu

Daquela forma…

Porquê?

Mas pronto…

 

Vou pôr-me online,

Dois minutos

E acabou de entrar

Lol…

Amo-o

Muito…

Muito…

Muito

 

...diz (23:02): ola amor

...diz (23:02):desculpa a demora

...diz (23:03):apareceu-me um caixeiro viajante, e fui jantar com ele


publicado por tueum às 23:47
link do post | comentar | favorito

Nós e a Estrela

A Estrela  
 
Um dia….
Enxerguei uma estrela 
Contemplei-a de tão bela
Observei a luz para mim sorrindo
E a vida embargou-me fulgindo…
 
É uma estrela que está alta.
É uma estrela que está longe
É uma estrela da ribalta
Mas do coração já não me foge…
 
Luzindo sempre em cada dia.
Mesmo com a sua distância
É grandiosa, forte, querida,
E num sorriso e em bela folia
Chega sempre à minha companhia …
 
Por vezes pergunto
Porque baixa aquela estrela,
Chegando assim até mim…
O porquê de tão alta me luzir,
E tão bem me seduzir…
 
Essa estrela chama-se sol!
E uma estrela que me deslumbra,
É a estrela que sempre me aquece
Mesmo escondida entre nuvens…
 
Adoro sentir-me nos seus raios a bailar
Quente
Num descontrolo invulgar
Luzente
Entranhando-me na pele o calor
Arrepiando-me com a sua luz
Queimando-me com o amor
Molhada
De carinho
Estrela que tão bem me seduz…
 
Deitada aos seus raios
Me vergo
Entrego-me então sua
E a estrela que bem me segura...
Alimentando-me de especial
Ente de sol
A que me dou num descontrolo que perdura
Sempre
Para me segurar em braços a raiar…
 
A paz que imana de corpo celeste
E que tão bem me faz...
Despertar no coração que me aperta
Saltitando no desejo que em mim desperta...
Sorriso
Paz…
Desejo
 
 
Chama
Como se sentisse a intensidade do lume
A subir-me pelo corpo
Passeando-me nas veias
Aquecendo-me o sangue
Fazendo-me perder a razão
Confundindo-me com arrepios
De frio gelado
Atribuindo-me movimentos
Incontroláveis aos músculos
Alimentando-me o coração
Que ora me caí,
Ora pula
Dança
E saltita correndo cansado…
Obrigando-me à pausa de contemplação
Em que mais uma vez fico a admirar
Traços, raios, carinho e amor…
Pele aquecida
Sorriso rasgado…
Amar e ser amado…
 
É sim senhor
O sol
O alimento
Que eu adoro comer
Sol
Alimentar-me de ti é o meu maior desejo…
 

publicado por tueum às 16:15
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 29 de Maio de 2007

Nós o sol e a lua

 
Lua
vida e única
amor e paixão
fogo e loucura
desejo e vontade
beijo e toque
minha e doce
amiga e mulher
mas numa só palavra também a descrevo
tudo
ela consegue ser tudo para mim
TUDO
TUDO
TUDO
 
Sol
adoro sentir-me a bailar
num descontrolo
em que só tu me seguras...
me entrego no descontrolo
para me segurar nos teus braços
 
a paz que nos imana do corpo
e que bem me faz...
que desejo me desperta... 
como se sentisse um calor
 a subir-me pelo corpo acima
que me dá movimentos
incontroláveis aos músculos
 
é um misto que nem consigo explicar
a intensidade do que sinto
não vejo nada de mecânico em nos...
é desejo, é amor....
 não sei..
tudo em mim mexe,
sinto-me toda como mulher
e vejo-te como o meu homem
 
sou a lua
e
és sim senhor
o sol
és e eu adoro comer-te
alimentar-me de ti é o meu desejo

publicado por tueum às 23:02
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 28 de Maio de 2007

Estarei a ficar doente de ciume, ou de amor?

 

Hoje é dia 28

Mais uma vez estou aqui

Lutando contra este sentimento

Que sinto

De ciúme

Segurando-me

Para não fazer nenhum disparate,

Acreditando que me amas

E que são coisas da minha cabeça…

 

que é normal

foste sair,

mas não te esqueces que me amas…

 

mas imagino-te

so de te imaginar com outra mulher

não sei,

mas, perco as palavras

que transformo em facas

flagelando-me no meu coração…

 

eu,

eu ….

 

Fui sair….

………..

Desculpa amor,

Perdoa-me

 

Entrei no carro

Liguei o rádio e

 

“ o prometido é devido”

Rui Veloso….

Chorei,

E fiz o caminho até casa a chorar…

Com raiva de mim

por me sentir assim...

Com nojo de mim,

E com raiva de pensar

Onde estarás

E porque não apareces…

Com raiva por te saber tão longe

e por estar a ver como este sentimento

se apoderou de mim...

 

Odeio-me

por não ver mais nada á frente

se nao tu,

o meu amor...

E amo-me quando sinto

que me amas

amo-me por te amar

Vou dormir…

beijo


publicado por tueum às 18:42
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 14 de Maio de 2007

Amor, desculpa, perdoa

Amor

Desculpa

Perdoa

Mas o meu sentimento

De ciúme esta a consumir-me

Vejo-te a sorrir para  cam

Vejo que falas com mais pessoas

Imaginas o que sinto?

Penso logo disparates…

Tento controlar-me

Mas olhando-me ao espelho

Vejo o ciúme

A roubar-me o sorriso

Vejo a revolta

Contra mim mesma

E o desejo de não te amar assim

Porque sinto o descontrolo

De um tamanho incrível…

 

Dou por mim a pensar

No que estas a fazer,

Quando sais.

Para jantar

Para correr,

Estou louca,

Só posso estar louca…

Desculpa

Amor…

Desculpa

Por te amar assim…

 

Esta página está a servir

Como o meu desabafo

O meu grito

Onde escrevo aquilo

que não te quero dizer

por falta de coragem

por não querer

reconhecer

o quanto te amo

e como este sentimento

se está a apoderar de mim…

 

E eu NUNCA FUI ASSIM...

EU não sou assim...

Isto é tudo novo

para mim...

Descobri o amor...

o ciume....

E estou a controlar-me

a controlar-me como posso...

desculpa

amo-te


publicado por tueum às 18:38
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Domingo, 13 de Maio de 2007

AMOR... -A- M-

 

AMOR…

-A-

-M-

 

Mas de facto um amor impossível,

E agora chegou o meu momento

De sair fora…

Deixar-te seguir o teu caminho

Seres feliz,

Que é tudo o que realmente te desejo…

 

Nunca te vou esquecer

Nunca te vou deixar sair

Do meu coração…

 

Porque lá és meu,

Só meu…

Tu e a saudade…

 

Vai

Tentar ser feliz

Com a tua família

Sem teres de dar um pontapé

Seguir em frente…

 

Só peço uma coisa ao meu anjo

Que quando pensares em mim,

Te lembre sempre de um sorriso

De um sorriso especial

Como o amor que sinto por ti…

 

Talvez não seja ainda esta a nossa encarnação

Para podermos ser felizes os dois…

Talvez ainda nos venhamos a encontrar

Talvez amor…

 

Agora o lugar

Já está ocupado

Já nos encontramos tarde

E eu não tenho forças para lutar assim…

Tenho demasiados pilares sagrados

E o maior,

O meu maior medo

é sentir o teu medo aliado ao meu…

esse pilar é fundamental…

 

Fazer vida contigo,

Agora vejo a impossibilidade disso

Na existência de tanto medo

Separados pela distancia…

O ciúme ganha outra importância

E o medo é um vulcão

vertendo lava,

a que tu também foges

Tentando a fuga por outras estradas…

Na tentativa que a importância

Se possa invadir…

 

Amor,

Sempre te habituei

Ao meu sentir, ao meu partilhar sincero.

Á minha naturalidade…

Tiveste-me sempre eu

Natural,

Tal qual como sou,

Tal qual como nasci,

Sem segredos,

Conheces-me já muito bem,

Muito mesmo…

 

Amo-te muito.

E tenho muito medo…

Percebes?

Certamente, que se não sentisse o que sinto por ti

ou tivesses sido para mim um caso

no meio de outros casos,

tudo isto me era indiferente. ..

 

Mas sabes tão bem quanto eu

que não és, nem nunca me foste indiferente

e muito menos foste um caso no meio de outros casos,

porque sempre fomos diferentes

desde o inicio, senti-nos especiais…

 

além disso desde que te senti

deixaram de existir estradas

apenas existes TU….

 

Tu és o meu caminho

Para o desejo

O amor

A tesão

A paz

O sucesso

O aconchego do coração

A minha estrada

Para a felicidade!!!

 

Mas agora preciso

Desistir

E deixar-te seguir a tua vida

Tenho consciência que só consigo desistir

Quando deixar de falar neste assunto.

E agora não estou decididamente preparada

Mas pelo menos desabafei

Chorei

E uma coisa ganhei

Aprendi que devo ir mais devagar

Com cautelas e a medo…

Com ainda mais medo…

 

Vou tentar afastar-me…

Vou tentar…

Tentar

Vai levar tempo, muito tempo,

no entanto foi para mim importante

este momento de desabafo e partilha neste espaço,

para me libertar das angústias em que ando

 

só mais uma coisa,

amo-te muito

….

Com

AM

E desculpa


publicado por tueum às 18:34
link do post | comentar | favorito
Sábado, 12 de Maio de 2007

saber com o que posso contar…

 

saber com o que posso contar…

 

 

“16:31)  nin,a nina, me diz, ficastes magoada??? eu não quero, a sério que não. Para enganos, já me basta lá ....., já me basta ter de mentir sobre nós. A ti nunca, nunca te enganei, e não o vou fazer, não tenho preciso disso. PS - só vou ficar mais descansado quando falar contigo. desculpa este desabafo, eu não quero ser chato. AMO-TE MUITO”

 

Mal te li,

Desatei a chorar…

Raiva

Não de ti

Mas  do amor…

 

Guardei estas palavras

Que

Leio e releio

Para me poder mentalizar

que já não somos

o que um dia fomos um para o outro,

que o sonho terminou…

Tenho de continuar a sonhar

sozinha

 

sempre acreditei que me amavas

nem precisavas de o dizer

senti-a-o

e agora por momentos

podes gritar bem algo

que o meu coração não ouve…

 

uma parte de mim diz-me

não é preciso exagerares

mas,

o meu coração chora

e só acontece

porque o que eu sinto por ti

e a confiança que tinha no nosso amor

é tão grande

e subi tão alto

que agora,

senti este mísero golpe

como um corte fundo…

 

 

Desculpa amor

mas a palavra confiar

deteriorou-se

e já não a consigo ler…

Digo tudo isto por estar magoada

Por me sentir uma tonta

Digo-o porque sempre te habituei à minha verdade,

E mentalizei-me que de ti

sempre tinha o mesmo

Sinceridade…

Desculpa se estou a ser muito dura contigo

Mas o mais certo é nunca te mostrar isto

Por isso

Deixa-me desabafar…

Deixa-me chorar assim,

Porque já não tenho mais lágrimas,

Sinto-me triste amor,

Muito triste…

 

Para ti sempre fui

EU,

Eu toda,

Sem segredos…

Alma aberta

Coração escancarado

Deixei-te entrar a medo

Mas depressa me entreguei,

Te acolhi e dei por mim

A cuidar desta nossa flor

Do nosso amor…

 

Não te estou a culpar de nada

Nem nada te quero cobrar

Amo-te

E sei que se por alguma razão um dia

Mesmo depois desta tempestade passar,

Conseguires chegar a estas palavras,

Te vai custar tanto a ti lê-las

Como a mim agora escreve-las…

 

Mas quero dizer-te mais uma coisa,

Amor,

Eu percebo-te

E não te acuso de nada,

Compreendo-te

Muito melhor do que tu possas pensar…

Muito melhor…

Entendo os teus medos,

A que chamas receio…

Compreendo-te..

 

Compreendo a tua solidão

E o lugar que tens no teu coração para mim…

Para o meu amor,

Um amor impossível de realizar

E agora muito me custa reconhecer isso…

 

Tal como me custou ver

E pior,

Sentir que estavas diferente

Da ultima vez que estivemos juntos…

 

Não nos senti nós

Senti-nos tu e eu…

Separando-nos do nós

E tu não percebeste o que os meus olhos diziam…

O quanto eles te disseram

Que te amam

E que querem ficar contigo

Para sempre

SEMPRE…

 

Mesmo

No silencio que não esperava

Eles mandavam

Eles diziam-te

Gritavam as palavras

Amor quero-te…

 

Assim como o meu coração

Gemia

Em tom sofrido

E desprotegido

As mesmas palavras

 

Mas, eles á medida que iam falando

Para ti

Foram ficando cada vez mais molhados,

Por não te ver ali…

Por não te ver ali inteiro

Apostando no nós….

 

Reconheço que me amas,

De outra forma não farias o que fazes

Para me ver,

Estar comigo,

Não precisavas disso por sexo…

Apenas por sexo…

E nem acredito que o meu sexo

seja assim tão bom

acredito antes que tu tal como eu

loucuras fizemos por amor,

sim por

AMOR…

-A-

-M-

 


publicado por tueum às 18:32
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 11 de Maio de 2007

Desculpa

Fiz questão de as guardar

Para as ler todos os dias…

 

“ 8:49  beijo amor

8:49 e desculpa a ultima sms de ontem

8:49 arrependi-me depois de ta ter mandado”

 

“Desculpa por ontem linda,

Não te ter dito nada,

Mas qual o interesse

Pela namoradinha do outro?? “

 

Namoradinha do outro?

Desculpa não estou a perceber…

 

 “ Desculpa amor,

a sms era para outra pessoa,

que não pára de me chatear,

porque quer voltar a sair comigo

e eu não quero,

tu sabes”

 

 

Eu sei?

Pois sei,

Pensei,

Mas nunca me quis convencer

Antes iludir

É mais fácil

Acreditar na felicidade…

Mas é bom que assim seja

É bom

Porque assim nos conhecemos

E isso é sempre bom,

sabemos sempre

com o que podemos contar

e vão-se as surpresas…

É bom conhecer-te

conhecer esta tua forma

de tratares as tuas amigas....

por exemplo que desconhecia...

o pedir "desculpa por ontem(DIA EM QUE NOS ESTIVEMOS JUNTOS) por linda, não te ter dito nada"...

Quanto ao resto já sabia

como tu dizes que continuas com as amizades

ou com as pessoas que não param de te "chatear"

 para voltar a sair contigo

 e tu não queres, (como eu sei)

e agora também sei

que lhe pedes desculpas

 por não lhe teres dito nada,

enquanto tiveste comigo...  

 

amor,

só queria que entendesses uma coisa

não  te quero cobrar nada

apenas gosto de saber

as coisas,

mesmo que me magoem

agradeço,

porque não me quero enganar

a mim mesma...

quero saber ..

não  consigo deixar de gostar de ti por isso...

muito menos de te amar

mas quero saber

não me quero iludir…

quero conhecer-te

e saber com o que posso contar…

 


publicado por tueum às 18:15
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 10 de Maio de 2007

Amor desculpa, mas....

 

Agora estou aqui

Triste

Sem lágrimas

Angustiada…

Revoltada…

 

Passou apenas um dia em que a palavra

Amo-te deu lugar a angústia

Já não consigo chorar.

Sinto-me triste, magoada e desiludida

perante o momento,

mas já não consigo chorar.

 

Os abanões que levamos na vida

ajudam-nos a crescer e a aprender,

e como sabes,

Gosto de viver

Tudo o que tenho para viver

eu gosto de crescer e de aprender.

Mas não consigo deixar de me magoar

Não consigo deixar de chorar…

 

De chorar o amor

Que tenho não só por ti,

Mas também por

Nós…

 

Mas amo-te muito

E quero muito que sejas feliz

E se para isso tiver que cair e sofrer, caio.

Cair é importante para aprender a levantar. ..

 

Hoje sinto que

Da vida voltei a cair.

Deixei escapar uma réstia de grande felicidade

Escorregando-me dão mãos

perante o olhar de um coração impotente..

 

Sinto-me triste e magoada

Não consegui suster a felicidade na mão

Mas,

Quero seguir em frente…

Mas quero seguir em frente…

Porque te quero feliz…

Só preciso arranjar uma forma de o fazer…

 

 

Há coisas complicadas,

Nunca te escondi

Que tenho muito medo…

Medo disto

De quando começassem a acontecer

Coisas assim…

 

Ainda ontem,

Estava tão feliz por te ver

Por te ter para mim,

Tão feliz que nem imaginas

Mas culpa minha

Porque não te consegui demonstrar…

 

Estava tão feliz

que

Não sei como me saiu aquela frase

Parece que alguém falou por mim…

Talvez o meu medo…

 

Se algum dia sentir que é melhor para ti me afastar

Afastar-me-ei

Mesmo amando-te como te amo,

Fá-lo-ei

E se tiver de te mentir,

Mentir-te-ei

Se sentir que é o melhor para ti…

Se sentir que estou a mais…

 

Disseste ser triste e magoadora,

Mas nem de propósito,

Hoje sinto essa frase tão minha

E tão real…

Vejo-a aqui,

Em nós…

Não em pesadelo

Mas na realidade…

Vejo-a aqui

Mesmo em frente dos meus olhos

Quer quando abertos

Ou fechados…

 

Senti-te diferente,

Senti-te sempre diferente,

Não estiveste comigo,

como das outras vezes tiveste,

 

Senti que tínhamos subido uma montanha

E agora estava a desce-la…

Pior no regresso

O meu caminho

tinha de o fazer sozinha…

 

 

 

Caminho que eu pensei ser perigoso

Chamei a atenção

E com uns anos de vida que tenho

Pensei, isto passa,

Tentei-me mentalizar

que tinha tudo controlado

isso passa, pensava e dizia-te

com a cumplicidade

que sempre nos senti

nossa…

Rezando para mim que não passa-se

Que não parasses de lutar

Por aquilo que eu

mais do que tu também desejava…

 

medo de me enganar

mas enganei-me a mim mesma

enganei-me

e agora com magoa sinto

que chegamos a uma meta…

 

Desta vez

Senti-te diferente

 e disse a frase sem pensar,

Mas agora penso nela…

 

Estivemos diferentes

Despedida estranha

Percurso estranho

Para a despedida…

Depois

Noite mal passada

Mas não queria pensar

Porque te amo…

E só nisso queria pensar…

 

Ansiava mensagem tua

A que respondi

Esperava resposta mas nada…

É normal…

Esta cansado da viagem pensei eu

Sabendo que tinhas ficado magoado

Por não ter ficado mais contigo…

 

Mas aconchegava-me

Que sabias que te amo muito

Que nunca mais consegui ver

Nenhum homem se não tu

Que nunca mais tive ninguém

O meu desejo

Chama-se tu

E que até a minha relação tu mudaste

O amor que sinto por ti

Ajudou-me a dar um pontapé

E a ser forte

Tomando a decisão egoísta

Que já há muito tempo devia ter tomado

Acreditando e apostando na MINHA felicidade…

Não abdicando dela…

 

E hoje,

E no dia seguinte

Sinto-me tão magoada,

 

Não sei se mais por mim

Se por ti…

Não te culpo a ti,

Mas a mim…

Iludi-me e permiti-me voar,

Voar demasiado alto

Não te culpo a ti

Porque

Afinal não fizeste nada demais…

 

Não sei…

Não sei…

 

Mas a palavra confiança

Para mim começa a perder sentido

Confiar no nosso amor

E no meu coração instala-se o medo

E a falta de esperança de um dia seremos UM…

 

Perdoa-me escrever assim

Talvez seja por estar em baixo

Numa má fase

Em que sinto o mundo na cabeça

Em tom de batuque constante…

Sinto-me muito magoada…

 

Não tinha a cabeça fria,

E agora sinto-a a escaldar,

Sinto-me perdida

No nosso amor

Perdida

Porque sinto que perdi o controle

Do amor que sinto por ti

E agora não há nada a fazer…

 

Aprendi o significado

da palavra ciúme…

e da dor que ela nos pode trazer…

Palavra forte que aliada a outros sentimentos

Destrói e corrompe o escrito na confiança…

Confiança no amor,

Na especialidade do que sentia termos…

 

Agora, perante o que me vai

Na cabeça resta-me

Aceitar a angústia

E seguir em frente…

Aproveitar o balanço deste pontapé

E adormecer,

Na tentativa de esquecer…

 

Sinto-me triste

Não me apetece em nada pensar

Nada tem valor

Fazer por fazer

E viver adormecida

É o que me apetece…

Sair,

Distrair-me

e

Viver a vida

Como deve ser vivida

Sem sentimentos…

Como se não te tivesse tido

Da forma que tive

E não te tivesse sentido

Da forma que tive…

 

Só assim posso esquecer

A magoa que sinto agora…

 

Sinto-me enganada

Por nada…

Apenas

Por mim…

Por me ter permitido seguir

Este caminho…

 

Viver sim,

Mas com cautela..

agora

as forças impedem-me  de a levantar,

ironicamente,

foste tu quem tantas vezes mas devolveu.

Possivelmente sem te aperceberes

fizeste com que passasse

a existir outro vocábulo no meu livro

Amor,

Nunca antes sentido desta forma…

 

E à medida que a ia deixando crescer

Crescia o meu sentimento por ti

O sentimento que acreditava ter por ti

E há uma palavra que nunca mais fez sentido para mim

Se não agora

– desistir -

 

Sinto uma enorme amargura,

revolta se quiseres,

mas estou cansada, triste e magoada

apetece-me dizer

desisto….

 

Não sei como se faz isto,

mas talvez  me tenhas dado

uma força para aprender

 

Mas só de pensar,

Dói-me…       

Preciso desistir de Ti, de Mim, de Nós.

Dói-me pensar. Dói-me sentir.

Dói-me, acima de tudo, desistir.

 

Mas assim camufladamente

mostraste ser o teu querer,

sinto que

tens tanto medo como eu,

e como não sabes para onde te virar

sendo a tua decisão muito mais

corajosa

não sabes o que fazer,

estás perdido como eu

se por um lado me queres ter

também queres ficar

não queres tudo perder…

 

a vida que construíste

sempre soube não ser fácil

dar o tal pontapé

eu bem dizia por palavras

a ti e ao meu coração

que deixei sonhar…

 

Pontapé

Agora senti-o de forma diferente,

e

acho que devo sair de cena…

assim ficas de certo melhor…

mais uma vez, eu respeito, desistindo.

 

Não é fácil digerir

Nem consigo pensar que acabou,

Amo-te

E sinto-me importante para ti,

Não te consigo deixar

De amar…

 

Mas vejo-te procurando uma saída

Sinto isso,

Não me perguntes porquê…

Vejo-te perdido

Mas também não me queres perder

Porque tal como eu

Sentes a saudade a corroer-te

E a minha imagem

Tal como a tua a mim

Não me sai da cabeça…

 

Tenho medo,

E sinto que tu também

Que estejamos por falta de coragem

A abdicar da nossa felicidade…

 

Sinto que tens muito medo

Que não é fácil,

Que querias poder esquecer-me

E continuares a tua vida,

Pudera que nunca nos tivéssemos

Encontrado,

Mas por outro lado

Ainda bem que te conheci,

Tinha de te conhecer

A ti e á felicidade que me trouxeste

 

Quanto à tua,

Ela existia e deves vive-la

Vive-la

Vive-la não estando eu

presente no teu pensamento

como se tivesse sido um sonho

exige-te muito menos esforço assim…

 

Mas por outro lado

Sinto que me queres

Que queres a nossa felicidade

Porque sentes um sentimento

Do tamanho de uma montanha

Que manda em nós

E tens medo

Não te queres render

Nem mentalizar

Que ele é que esta a mandar em nós

Tal como eu…

Então vais procurando

Estrelas em vez de lua,

Sentindo sabor diferente

Distraindo-te

Tentando passar a borracha

Em tinta de caneta marcada..

 

Inconscientemente ou não,

Eu para além de pensar nisso

Vejo-o agora…

 

Não penso em traição

Até porque quem sou eu para pensar nisso

Penso apenas no texto que não consigo apagar

Que guardei,

 não só no telemóvel,

nem no computador

Mas também no coração…

Fiz questão de as guardar

Para as ler todos os dias…


publicado por tueum às 18:12
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Terça-feira, 8 de Maio de 2007

Continuo a amar-te

“ Desculpa amor, ………………….AMO-TE MUITO….. escuta amor, és tu que eu amo e quero  ….és tu que és importante para mim ….por isso nunca, mas nunca te quero magoar “

09/05/2007


publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito

Parabéns amor

Parabéns

A

M


publicado por tueum às 00:01
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Terça-feira, 3 de Abril de 2007

À noite

À noite....
Onde quer que esteja
Independentemente da rota
Em que o nosso barco possa navegar
Sempre que a noite e a lua chegar,
vou sorrir,
porque vou em nós pensar…
 
vou deixar-me voar
vou navegar até ao céu,
vou deixar-me levar
soprando ás estrelas o meu pensamento
na esperança que chegue até ti
 
vou cantar,
gritando ao infinito o nosso segredo
uivando à lua
até que o meu sentimento se espalhe em céu estrelado…
 
Em cada estrela vou ver um sinal de nós,
Vou sorrir,
Pensando na nossa telepatia
Rega-la com o nosso amor,
Para que fique mais forte
E  me possa fazer chegar até  ti...
 
Quando chegar a noite,
onde quer que eu esteja
é precisamente isso que eu vou fazer
vou estar contigo,
olhando o céu
sendo a lua
com a cumplicidade das estrelas
vou sorrir,
porque vou estar
pensando em ti..."

publicado por tueum às 15:14
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 30 de Março de 2007

Estou aqui

Eu

Eu estou aqui,

abraçada a ti

Tu

Tu estás aí,

Mas estás aqui...

Mas, nós,

Nós,

Tu e eu,

Nós,

Nós, estamos lá!

 

Porque nós

somos,

Tu e eu,

somos um

Só...

 

Sentimento?

Amor...


publicado por tueum às 17:17
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Segunda-feira, 19 de Março de 2007

Amo e .

.

.

.

.


publicado por tueum às 09:30
link do post | comentar | favorito
Domingo, 18 de Março de 2007

Lindo!

A.

A.

A.

Dorei!

quase tanto como te adoro a ti!


publicado por tueum às 09:19
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 15 de Março de 2007

TU és...

 

 

“Tu és a mulher que eu amo e juro-te que tenho coragem para mudar minha vida por ti precisava tanto, mas tanto namorar contigo”

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Segunda-feira, 12 de Março de 2007

Segunda feira

 

Nove horas
 
Voa agora comigo…
 
Novamente
 
Voa
....
Um toque
e um beijo
Sente o meu calor,
Num sorriso de nervosismo
Saciando o nosso Desejo…
 
Vamos, amor,
Vamos
por essa estrada,
Vamos , sentimento
Que o medo não mata,
Porque nada mais existe…
 
Anda, vamos, rápido, porque
Quando estamos juntos
O tempo foge a correr
Quero amar-te
ter-te
Sem te prender….
deixar-te voar
e esperar que venhas
até mim para me ter...
Enfeitiçados no balanço,
Do NOSSO corpo
Enamorados
Acabo por te ter…
MEU!
Só MEU!
 
Amo-te
Desejo-te
E estou bem
Muito bem…
Estou bem assim...
Sinto-me aconchegada
Por  um sentimento lindo
 
Um misto de sentimento
Que ora me faz voar,
Ora me faz serenar…
 
Não faz mal,
Sinto-me a voar
sinto-te  a viajar
nas nuvens comigo
calo-me, não te digo…
Mas,
Quero-te amparar no ar,
Dançar contigo no nosso manto azul
Rodopiar nas nuvens
e voar...
voar,
voar!
Voar nas curvas 
macias da tua pele….
 
Quero!
Quero
Sentir -te num abraço…
E
para sempre!
Agora sonho
 ....
Relembro, amor,
Relembro qualquer dia da  semana,
Amor…
 
Relembro
segunda feira , amor
relembro-me
na entrega
como tanto desejei
dar-me de coração aberto
como a ti me ofertei
e como te tive…
Como te senti tão perto….
 
Deixa-me ser egoísta e dizer
Só sei que nada sei,
nem me importa
Porque sei que te amo!
Deixa-me sonhar....
 
Agora
Apenas te quero beijar…
e fazendo-me forte
Posso adivinhar-nos num eterno segredo
um segredo só nosso
NOSSO
MEU E TEU
 
E gemendo em voz de comando
segredo-te num uivo
Não tenhas medo,
amor
não tenhas medo de voar assim comigo
ainda vamos voar
em muitas segundas feiras…
PORQUE
TU E EU
PORQUE
TU E EU
SOMOS UM SÓ
 
 
Porque
o tempo assim não existe,
Alimenta-nos de esbelto sentimento
Que como vês, não só persiste
Como se consolida!
VERDADE?
E sAbes porquê?
 
Porque te amo
e sinto-me tua
sinto-te o meu homem
sinto-me tua
mulher
 
Estou bem,
mesmo estando assim contigo!...
 
Porque te amo...
sinto-me tua, e  sinto-te meu
 E amo todos os dias que estou contigo
 
mesmo
segundas feiras como as de hoje
Porque,  também nestas te tenho
AQUI
No meu coração
 
beijo

publicado por tueum às 09:13
link do post | comentar | favorito
Domingo, 11 de Março de 2007

Ai, ai , ai , ai..... AI!

Hoje,
Hoje,
Que me soa o vento?
Que me sopra a brisa?
Que me beija o céu?
BOM DIA AMOR!
BOM DIA AMOR!
BOM DIA AMOR!
Amo-te!
Dormiste bem?
Docinho, docinho, docinhooo!
HUM
Pisté?
Amo-te
ok?
Amo-te
MUITO
A.
com
AM

publicado por tueum às 12:53
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 5 de Março de 2007

Semana

 

“Sabes o que ela me disse na semana passada?
 Olha o que ela me disse,
que de certeza,
mas de certeza ,
que seria feliz junto de mim. 
Dá para acreditar?
Eu fiquei nas nuvens …
Mas,
 se eu ficasse lá por baixo
 e sozinho claro,
mudavas a tua vida,
para ficares comigo nina?
---
Meu anjo, não,
não é um amor impossível,
não é um amor impossível
não duvides
e louca também não estas…
apetece-me dar um pontapé
e mandar fod tudo
porque até eu
que sou calmo,
já ando fdd
...
linda, linda, linda,
escuta o que vou dizer 
 toda a minha vida,
pensei no que queria
ou seja,
tudo o que fiz,
fiz com os pés bem assentes no chão
repito
 sempre com os pés no chão
 e por isso,
só te posso dizer 2 coisas
e não quero
que fiques com um nó no estômago
 nina :
1 - eu amo-te muito 
2 - eu mudaria esta minha vida por ti,
 para ficar contigo
tenho dito
ponto final
entendido?
...
nina eu não me canso
de ser chato e dizer-te :
 AMOTEEEEEEEEEEEEeeeeee
 mete isso nessa cabecinha 
 amo-te 
 não te posso dizer mais a frio,
a quente,
em temperatura morna etc
qualquer que seja o grau,
eu amo-te
e
quero-te..
acho que consigo recordar
a semana toda
desde o teu olhar aflita no bar do jardim,
até ao olhar para trás no táxi”
9/03/2007
EU TAMBÉM
AMO-TE

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 14 de Fevereiro de 2007

Quero-te

Quero-te
Embalar
Quero-te
Amar
Quero
Ver o teu olhar
Quero-te
Abraçar
Quero
Ver-te descansar
Tranquilo a sonhar
Embalado nos meus braços
Quero
Ver-te dormir
Quero
Contigo voar
Quero
Ver-te suar
Quero-te
Devorar
Quero
Em ti me afogar
Quero-te
Quero-te
Quero-te
Quero-te
Encontrar
e
 
Quero-te
Embalar
QUERO
Continuar
a ouvir esta letra de embalar
que diz
quero-te muito
quero muito
continuar
a Amar-te
assim
...
quero
muito
que permaneças
em mim
..
quero-te
em mim
...
beijo
....


publicado por tueum às 08:12
link do post | comentar | favorito
Domingo, 21 de Janeiro de 2007

Recordo

A polpa é suculenta
e muito saborosa, muito doce….
Muito carinhosa,
um verdadeiro amor…
Um cavalheiro….
em alguns casos fibroso,
encerrando uma única semente
grande no centro.
usado na alimentação

das mais variadas formas,
mas é mais consumido ao natural.
Quer haja sol ou chuva….ou mesmo neve
Em forma de chuva, no verão!
É óptimo! Excelente! Muito apetitoso…
Comendo-o obtemos um verdadeiro
Ritual de amor…um luxo….
Aquele que é capaz de fazer mais do que 300 km
para encontrar a sua princesa

"desconhecida",
(ela deve ser muita boa páh!, mesmo muita boaaaaaaaa)
e, repete… e repete… e ama… e sente… e repete….
Insaciável… muita energia….
Consumir de preferência numa cama redonda,
num jacuzi,
no chuveiro….
Ao som de uma música,
interrompendo uma dança… .
O menino dança?
Uma manga fresca contém muitas proteínas
e quantidades significativas de vitaminas,
minerais e anti-oxidantes,
óptimo para o sorriso,
a paz, e uma boa saúde….
Graças à alta quantidade de ferro que contém,
é indicada para tratamentos de anemia
e é benéfico mesmo para as mulheres grávidas
e em períodos de menstruação.
Pode usar-se sempre…
Muito doce
meloso
beijoqueiro
delicioso
Basta inventar….
beijo na testa
aqui, pescoço
cova e além...
Deliciosa optimo para
Pessoas que sofrem de cãibras,
stress e problemas cardíacos,
podem sempre beneficiar
das suas qualidades…
acredita-se que as mangas estancam hemorragias,
fortalecem o coração
e trazem benefícios ao cérebro.
Contra-indicações - fruta de época…
muita saudade….muita mesmo .
Efeitos secundários um enorme sorriso,
uma saborosa paz,
protecção muito doce
Validade eterna

publicado por tueum às 15:07
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 15 de Janeiro de 2007

Anda

QUERO-TE

.....

b


publicado por tueum às 08:20
link do post | comentar | favorito
Domingo, 14 de Janeiro de 2007

Tu e eu....... tenho.....frio

Tenho

o corpo frio

tenho vontade de ti

...............

Queria ter-te aqui

para te sentir

e me aquecer

contigo dentro de mim

.........

Quero-te

agora

e sempre

quando

 eu

necessitar

de ti

porque

eu sei

que estarás

sempre aqui

quero-te

aqui

 dentro de mim

no meu

coração

.....




Celin Dion
When I Need You

publicado por tueum às 11:10
link do post | comentar | favorito
Sábado, 13 de Janeiro de 2007

Tu e eu um Sonho

Fotografia de Autor: Jomané

Sonhei

sonho estranho

mas tão real

nao te tive em mim

vontade e desejo

ficou presa

pela lei da razão

no meio da multidão

tive

e nao tive

tao perto

e tao longe

de mim...

nao digo mais nada

beijo


publicado por tueum às 08:33
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito
Sexta-feira, 12 de Janeiro de 2007

Tu e eu Um beijo


Acordei, estiquei os braços
são precisamente cinco da manhã
náo consigo dormir
há uma imagem que não me sai da cabeça...
......
e sorri
sorri não só por ti
mas por nõs...
......
sorriso molhado
só um dia passado
e já são tantas as saudades...
.....
um sentimento lindo
que me invadiu o coração
de amor regado de medo...
.....
sinto-me contente e triste
não sei explicar...
Para me mimar
fechei os olhos
beijei a almofada
e voltei a sorrir...
.....
A lembrança
Fez-me tremer, sorrir e voar,
tal como voei em teus braços...
No prazer que senti ..
......
Agora ao te recordar
senti-o muito melhor,
mais forte, porque está regado de saudade
e só uma coisa me passa pela cabeça
estarei a ficar louca?
.......
Não quero saber
abracei de novo a almofada
fechei os olhos com força
e voltei a sonhar
.......
No mar salgado do nosso suor
que aparentemente nos colava os corpos
já colados
de amor....
.....
Estavas ali deitado ao meu lado
senti-te meu só meu
o meu amor...
calmo sereno
senti-te tanto
mas tanto....
.....
Nada mais existia só nos
e o calor dos nossos corpos
quente, suados, colados
e embriagados
de beijos doces
e quentes
que me aqueciam a alma
e me faziam sonhar e sorrir....
.....
senti-me a voar
nas tuas asas
que faziam parte de mim
desde a primeira vez
eu  te senti tocar em mim
....
Entrares
devagar
sentindo-te
arrepiando-me
voando
até lá
....
ao nosso cantinho
em que nos encontramos os dois
na cabana do nosso amor
onde explodimos e nos sentimos
nós
tu e eu
....
vendo-me no brilho dos teus olhos
aquecendo-me
no teu sorriso
e voando
....
voei e voei e voei
tal como te amei e amo
voei agora mesmo
recordando
sentindo-te
como se continuasses aqui
dentro de mim
por delirio
sinto
ainda
parte da tua doçura a sair
dentro de mim
....
e é tão bom
amor...
tão bom
...
sei que náo te devia dizer isto
mas alivia-me
chamar-te
e dizer-te
o quanto te sinto
e te desejo
...
desculpa
.....
volto a sorrir
e sinto o teu calor
em mim
.....
E é essa lembrança
que agora  neste mesmo instante
me volta a fazer
sorrir,
uiiiiiiiiiii
que arrepio…
.....
Que é isto que estou a sentir?
meu amor
estou a sonhar
tenho medo de acordar
um beijo
toma
aceita
é meu...
Guarda
.....
Adoro-te
menino
adoro-te
mesmo
beijo

publicado por tueum às 07:16
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 11 de Janeiro de 2007

Quando Eu Te Falei De Amor




André Sardet
Quando eu te falei de amor
......

Quando os meus olhos te tocaram

Eu senti que encontrara

A outra metade de mim

Tive medo de acordar

Como se vivesse um sonho

Que não pensei realizar

E a força do desejo

Faz-me chegar perto de ti

 

Quando eu te falei em amor

Tu sorriste para mim

E o mundo ficou bem melhor

Quando eu te falei em amor

Nós sentimos os dois

Que o amanhã vem depois

E não no fim

 

Estas linhas que hoje escrevo

São do livro da memória

Do que eu sinto por ti

E tudo o que tu me dás é parte da história

Que eu ainda não vivi

E a força do desejo

Faz-me chegar perto de ti

 

Quando eu te falei em amor

Tu sorriste para mim

E o mundo ficou bem melhor

Quando eu te falei em amor

Nos sentimos os dois

Que o amanhã vem depois

E não no fim

.......

 

BEIJO


publicado por tueum às 18:42
link do post | comentar | favorito

Tu e eu um dia no novo ano!

Acordei ainda sentindo-te em mim
Sorri, sorri , sorri
Na cabeça ainda tenho a imagem de ti,
Ali, aqui, ao pé de mim...
Pergunto-me
será amor
ou apenas desejo
esta loucura que por ti sinto
que me deixa atordoada
e me aquece desta forma a alma?...
É AMOR! É DESEJO
É AMOR E DESEJO!
 
 
Olha estes versos
 nao fui eu que escrevi,
 mas é lindo e aplica-se na mesma a ti,
a nós
 
“Hoje, voltaria a dizer que te amo…
Diria da mesma maneira aos teus olhos,
A noite não é a mesma mas voltava a dizer,
Num abraço que seja diferente pelo tempo,
Voltarei a dizer que te amo… até morrer.
(.....)
Desta escrita onde tu és o meu devaneio…
No diferente que escrevo dos anos antes,
O mar lembra-me na inquietude da sua maré,
A cisma que é, de que somos eternos amantes
Temos de dar um jeito de irmos tomar um café.
(....)
Penso em nós por todo o lado onde caminho,
Procuro moribundo o percurso do teu perfume
Olhando o céu na esperança de te ver,
Nas nuvens brancas de água dos meus olhos
Lágrimas de sonho que sonhei antes de adormecer”
Autor juda-ben-hur
 
Acabo dizendo
hum adoro o quão querido és para mim
o quão cuidadoso e carinhoso és para mim,
adoro sentir-te ao pé de mim
adoro sentir-te dentro de mim
adoro ter-te
e sentir-te molhado por mim em ti
Adoro sentir-te a escorrer dentro de mim... 
Adoro por e simplesmente poder olhar para ti,
sorrir e ver-te sorrir para mim
e através deles poder ver em mim
o reflexo do brilho dos meus olhos nos teus
É lindo..
És lindo!
Igual ao que sinto por ti
Que se não é amor, entao não sei o que é!
E talvez seja por isso
que me sinto tao bem ao teu lado, ao pé de ti...
Adoro-te pronto
E sabes porque?
Porque tu e eu,
Porque tu e eu somos
Um só
Amor...
 
Beijoooooooo
“Muitos, um de cada vez”
E xi-coração, cheio e apertado
Adoro-te

publicado por tueum às 10:30
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 10 de Janeiro de 2007

GEMO, GRITO, UIVO, sussuro

“AMO-TE”

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Quinta-feira, 21 de Dezembro de 2006

Tu e eu e eu e tu um Feliz Natal

FELIZ NATAL


publicado por tueum às 18:56
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 7 de Dezembro de 2006

Tu e eu... e eu e tu

 

Tu e eu

 

Tu invades

E entras

Compareces dentro de mim

Entras e eu sacio-me como posso

Encho-me de ti,

de ti, de ti, de mim

de nós…

 

Tiras e permaneces

Pões-me e pões-te

Alimento dentro de mim

Tiras, pões e enlouqueces-me

Tiro, ponho, ponho, ponho

E já nem sei o que faço de ti…

Sinto…

 

Ponho tudo

Tudo, tudo, tudo,

Em mim toda tu,

Entras mudo

boca, flor, e botão

olhos, nariz,  alma,

e coração…

 

Somos donos das nossas colmeias

Sinto o correr do teu mel nas veias

Sinto em nós o delírio, a vida

És mesmo TU e eu estou perdida

Tu e eu somos um, não há cá meias…

 

vida, da minha vida,

nossa vida

vida amante

não sei mais quem sou

sou alguém que nunca te desejo distante

Não sei quem sou

Mas sei quem és,

pois sou tu e sou eu

eu e tu

tu e eu

amor

tu e eu um só…

 

EU 


publicado por tueum às 19:46
link do post | comentar | ver comentários (2) | favorito

Tu e eu...

somos um só

tu e eu

Tu e eu um

só...

 

tu


publicado por tueum às 11:55
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Segunda-feira, 4 de Dezembro de 2006

Tu e eu um..... Desejo

 

Passeio-me no desejo...
E Quero...
E Vou
 
Pingar vocábulos de tom incerto
Na ansia que a mente se distraia
E o sorriso me leve a passear na tua praia
Para que o longe de ti, se transfome em perto...
 
Que a ausência em mim agora caia
E me acolha na ternura do teu olhar,
Como uma onda que desmaia
Quando chega à areia da sua praia
 
Quero...
 
Tanto...mas tanto de ti como de mim
Quero tudo, tudo, tudo o que me fazes de mim
Sem ti sinto
Aranha sem teia..
Sem ti fico
Calçada sem meia
Sinto
Sinto-te
Mesmo quando nao em mim
Sinto
Que és a outra parte
A outra parte de mim...
eu

publicado por tueum às 23:42
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quinta-feira, 30 de Novembro de 2006

Tu e eu um...

Ai ai ai que eu estou a ver que...

um beijoooooooooooooooooo

 

eu


publicado por tueum às 18:43
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 29 de Novembro de 2006

Tu e eu ... Sim, é... Saudade

 

Sim meu menino

Tenho saudades

Das quartas-feiras

Em que fico contigo

De olhar para ti

De passar os meus dedos no teu rosto

De sorrir para o teu sorriso

De sentir o teu calor

De me encantar

Sorrindo e dançando

Ao som das batidas do teu coração,

De ouvir a tua respiração,

De entrelaçar os meus dedos

Nas madeixas do teu cabelo 

De ouvirmos os dois o Rui

De fecharmos os olhos

E dar-mos um abraço apertado

Ou de ficarmos agarradinhos,

 Juntinhos, quentinhos os dois

Falando caladinhos,

 Ralhando com a merda do tempo que não pára,

 E sorrindo por te sentir ali,

Sendo meu …

 

Sim é vontade!

É desejo

É saudade!

É...

 

Eu 


publicado por tueum às 09:58
link do post | comentar | favorito

Tu e eu ... vida

vida

Fotos

Flashes

Imagens

Frases

Pensamentos

Dicas

sms

Desejos

Sentimentos

Sonhos

Telepatia

 

Sempre

Com

Muito

Amor

Despidos de preconceitos

Namoramos

Longe  

Muito

Mesmo

Mas

Nós

Estaremos

Sempre

 

Perto

 

 Tu e eu


publicado por tueum às 00:28
link do post | comentar | ver comentários (1) | favorito
Quarta-feira, 22 de Novembro de 2006

Bom dia...

“bom linda, :bom dia meu amor, bom dia minha donzela”

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 15 de Novembro de 2006

Medicamento santo...

“ minha linda, toma quanto mais melhor desse teu medicamento milagroso, (…)gostei particularmente de uma coisa na quarta passada, de um beijo que me destes á despedida , foi um misto de: medo, malandrice e roubado “

publicado por tueum às 23:48
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 11 de Outubro de 2006

O que hoje está mal....

“ (…) eu acho é q está mal e sabes porquê? é que hoje se o mundo cair, damos por isso  e se estivéssemos juntos, não queríamos saber de "quase" nada. “

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Quarta-feira, 13 de Setembro de 2006

Adorei

“adorei o dia de ontem e não vou esquece-lo nunca”

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito
Terça-feira, 6 de Junho de 2006

Duvidas?

“(…)mas ainda tens duvidas que já há muito que és importante para mim?”

publicado por tueum às 23:24
link do post | comentar | favorito

.mais sobre nós


. ver perfil

. seguir perfil

. 33 seguidores

.Espreitando

online

.Visitas

.Agosto 2009

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9
10
11
12
13
14
15

16
17
18
19
20
21
22

23
24
25
26
27
28
29

30
31


.posts recentes

. TUA SEMENTE

. O minuto, O dia, A hora.....

. Desculpa (Seria Quase Voz...

. Quinze, dezas-seis-sete

. Bom ano

. Amo-te e só isso é real.....

. Brian Weiss

. Do sol a lua sua saudade....

. Tu e eu...Aventura...

. SAUDADE

. Pediste-me Sinceridade......

. Li num blog

. Quando eu....

. Um longo caminho para cas...

. Desafio

. Quando, tu e eu....

. Sei....

. Eu sei porquê...

. Depois do ultimo post...

. Tenho saudade e....

. Continuando na cama....

. Bom dia amor

. Saudades...

. Quando eu...

. Eu amo-te muito

. Também te amo muito, amor

. Respondo sim

. Amo-te amor e compreendo-...

. Não me esqueces...

. Se tu soubesses....

. Bebendo nesta palavras, a...

. Olha amor,

. É tão bom .... ler....

. Coragem...

. A causa...

. Simplesmente...

. MINHA VEZ

. Ai

. Desculpa amor mas,

. santo antonio

. É melhor ir esquecendo?

. Hoje...

. Nós e a Estrela

. Nós o sol e a lua

. Estarei a ficar doente de...

. Amor, desculpa, perdoa

. AMOR... -A- M-

. saber com o que posso con...

. Desculpa

. Amor desculpa, mas....

.pesquisar

 

.arquivos







SAPO Blogs

.subscrever feeds